Cuiabá, Quinta-feira 20/09/2018

Política de MT - A | + A

04.07.2018 | 13h41

Taques diz que Silval roubou R$ 1 bilhão e quer dar entrevista como 'popstar'

Facebook Print google plus
Marcus Vaillant

Alvo de críticas por parte de Silval Barbosa, o governador Pedro Taques (PSDB) sugeriu que delatores sejam proibidos de darem entrevistas. A declaração ocorreu após o ex-governador ter feito várias acusações e críticas à gestão tucana.

Porém, Taques garante que não se sentiu ofendido, mas, questiona o tratamento a delatores. "A pessoa rouba 1 bilhão de reais, deu prejuízo para Mato Grosso pelos próximos 10 anos e ainda pode continuar dando entrevista como popstar?", questiou o chefe do Palácio Paiaguás. "Temos que pensar as delações. Criminoso é criminoso", esbravejou.

Nesta terça-feira (3), Silval criticou o atual governador e pretenso candidato à reeleição Pedro Taques (PSDB) por apontar apenas a corrupção da gestão passada. Segundo ele, a atual administração “não é nada diferente nos processos”.

Para provar seu ponto de vista, o ex-governador destacou os escândalos como as interceptações telefônicas ilegais, que ficou conhecido como “grampolândia pantaneira”, a Operação Rêmora, que apura corrupção na Secretaria de Estado de Educação (Seduc), e a Operação Bereré, em que os primos do governador Pedro Jorge e Paulo Taques (este ex-chefe da Casa Civil) estão presos.

Silval Barbosa está em prisão domiciliar desde o dia 12 de junho do ano passado, após ter o seu acordo de delação premiada homologado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Silval devolveu mais de R$ 80 milhões aos cofres públicos e é monitorado por tornozeleira eletrônica. 

Voltar Imprimir

Comentários

Enquete

Você sabe o que é o voto útil?

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 19/09/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 24.200 0.620

Algodão R$ 118.580 -0.220

Boi a Vista R$ 129.100 0.410

Soja Disponível R$ 75.000 1.350

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.