Cuiabá, Terça-feira 23/10/2018

Política de MT - A | + A

17.05.2018 | 15h00

Repasses aos municípios é obrigação e não favor, afirma presidente da MM

Facebook Print google plus

O presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), Neurilan Fraga (PSD), criticou a afirmação do governo do Estado de que teria enviado um “reforço” às 141 prefeituras de Mato Grosso no valor de R$ 183,6 milhões na terça-feira (15), referente à participação dos municípios na arrecadação do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) e ao Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).

Chico Ferreira

Neurilan Fraga

Para o representante do movimento municipalista, a forma como o Executivo fez o anúncio do repasse, tratando-o como um reforço “dá a impressão que o governo está fazendo um esforço extraordinário para fazer o repasse às prefeituras, como se fosse uma ajuda, o que não é verdade”, disse durante coletiva de imprensa nesta quarta-feira (16).

Leia também - Governo do Estado transfere R$ 183 milhões aos municípios

Fraga afirmou que o montante milionário repassado trata-se simplesmente do cumprimento da lei, que garante aos municípios 25% da arrecadação do ICMS recolhido pelo Estado. “É dos municípios, não é do Estado! Ele não está repassando isso espontaneamente. Essa transferência é constitucional. Ele tem que passar todas às terças-feiras os 25% referentes ao recolhimento do ICMS da semana anterior. Então, eu queria esclarecer pra população que não é nenhuma ajuda que o governo está dando para as prefeituras, é obrigação”, afirmou indignado.

De acordo com o secretário estadual de Fazenda, Rogério Gallo, o repasse dos R$ 183,6 milhões foi feito com o respaldo do governador Pedro Taques (PSDB). Destacou ainda que a atual gestão tem feito cortes de gastos e promovendo ações contra a sonegação fiscal para conseguir cumprir as obrigações. “Aos poucos vamos nos aproximando do equilíbrio entre receitas e despesas”, disse na ocasião do pagamento dos repasses. 

Voltar Imprimir

Comentários

GD

GD

Enquete

O país vai voltar a se unir após as eleições?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 23/10/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 25,85 0,98%

Algodão R$ 121,22 0,13%

Boi a Vista R$ 137,00 0,00%

Soja Disponível R$ 71,80 1,13%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.