Cuiabá, Terça-feira 23/10/2018

Polícia - A | + A

13.02.2018 | 20h27

Sesp determina reforço para 'caçar' e prender criminosos que feriram 5 em UPA

Facebook Print google plus
Reprodução

A Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) determinou reforço das Polícias Militar e Civil para a prisão dos criminosos responsáveis pelo tiroteiro na na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Morada do Ouro, em Cuiabá, que deixou 5 pessoas feridas durante tentativa de resgate do presidiário José Edmilson Bezerra Filho, 31, na tarde desta terça-feira (13) .

Ficaram feridos o agente prisional Dirley de Pinho Pedro, 34, com duas perfurações na perna, o bebê de 6 meses, Vitor Hugo Camargo Martins, atingido nas costas, a mãe dele, Estefani de Camargos Santos, 21, atingida no braço esquerdo, a paciente Dayana da Silva Romão, 33, que foi atingida no tórax e a enfermeira Rosimeire Sousa da Silva, 51, com uma perfuração na perna.

Chico Ferreira

Os feridos estão internados no Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá e todos estão estáveis. O bebê já foi submetido a cirurgia e passa bem. Ainda assim, a Polícia Militar destacou uma equipe policial para acompanhar a situação dos feridos na unidade. Uma equipe da Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh) acompanha a situação do agente prisional ferido.

De acordo com a Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), o preso não chegou a ser resgatado. José Edmilson está preso no Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC) e responde por crimes de homicídios.

Chico Ferreira

De acordo com as informações colhidas pela equipe de plantão da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), coordenada pelo delegado Marcelo Jardim, três homens armados tentaram resgatar o preso, que estava realizando triagem na recepção da unidade de saúde. Eles teriam feito uma mulher refém, contudo, os agentes penitenciários, que faziam a escolta do preso, em rápida ação evitaram o resgate.

Houve troca de tiros, resultando nos 5 feridos. Cápsulas de projéteis de armas de fogo foram recolhidas no local e serão encaminhadas à Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), que também esteve no local realizando a coleta de vestígios para auxiliar nas investigações da Polícia Civil. 

Os criminosos fugiram e as Polícias Civil e Militar trabalham para identificar e prendê-los. (Com informações da assessoria)

Voltar Imprimir

Comentários

GD

GD

Enquete

O país vai voltar a se unir após as eleições?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 23/10/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 24,25 -3,96%

Algodão R$ 94,77 -0,50%

Boi a Vista R$ 133,36 0,32%

Soja Disponível R$ 74,20 -1,07%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.