Cuiabá, Segunda-feira 24/09/2018

Polícia - A | + A

08.02.2018 | 10h25

Ex-marido não aceita fim do relacionamento e mata mulher degolada

Facebook Print google plus

Izabel Aparecida do Amaral, 31, foi degolada e o namorado dela também ficou ferido dentro da casa deles enquanto tomavam banho na noite de quarta-feira (7), no bairro Ubirajara, em Juara (709 km a médio-norte de Cuiabá).

Divulgação

Izabel foi morta dentro da própria casa

Conforme informações da Polícia Civil do município, por enquanto, as causas do crime ainda estão sendo apuradas, mas o principal suspeito seria o ex-marido da mulher, que está sendo procurado pela Polícia. Por enquanto, o nome dele não foi divulgado.

Em depoimento, as testemunhas contaram que o homem não aceitava o fim do relacionamento e quando soube de um novo ato amoroso começou a proferir ameaças. Apesar das intimidações, a vítima ainda não tinha denunciado o caso na delegacia e apenas os familiares sabiam.

Segundo o boletim de ocorrência, a mulher estava em casa com o namorado M.A.R, quando foram surpreendidos pelo ex-marido da vítima. Ele arrebentou a porta da frente da residência e esfaqueou Izabel que estava nua no banheiro. O namorado da vítima também não escapou e foi esfaqueado várias vezes.

Porém, mesmo ferido o homem conseguiu sair da casa e pedir socorro dos vizinhos que acionaram o Serviço de Atendimento Móvel (Samu). Ele foi socorrido e levado para um hospital da cidade, já a mulher morreu ainda na cena do crime sem chances de ser socorrida.

O caso continua sendo investigado pela Polícia Civil. Ainda conforme informações da polícia, na tarde da próxima sexta-feira (9), os familiares devem ser chamados para prestar depoimento.

O corpo de Izabel que trabalhava como caixa numa loja de confecções foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para exames de necropsia. Até o fechamento desta matéria, o suspeito não havia sido preso. Logo depois do crime, ele fugiu da cidade.

Feminicídio

Este já é o 8º caso de feminicídio que começa a ser investigado neste ano. Na semana passada, duas mulheres foram assassinadas. Os crimes foram registrados no bairro Três Barras, e as vítimas foram identificadas como Vanessa Tito Poquiviqui, 25.

Ela foi asfixiada pelo ex-namorado, no dia 31 de janeiro. Já Debora da Silva, de 17 anos, foi encontrada morta em um córrego do mesmo bairro. A investigação também aponta que o principal suspeito seria um companheiro da vítima.  

Voltar Imprimir

Comentários

Enquete

Qual sua opinião sobre os aplicativos para denúncias de infrações eleitorais?

Parcial

Edição digital

Segunda-feira, 24/09/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 21.600 -0.920

Algodão R$ 121.140 0.520

Boi a Vista R$ 130.000 -0.760

Soja Disponível R$ 75.000 1.350

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

Enquete

Que importância tem o candidato a vice?

Parcial

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.