Cuiabá, Sábado 20/10/2018

Mundo - A | + A

04.02.2018 | 11h22

Primeiro-ministro de Israel diz que vai legalizar assentamento na Cisjordânia

Facebook Print google plus

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, disse neste domingo durante reunião de seu gabinete que pretende legalizar o posto avançado de Havat Gilad na Cisjordânia, em resposta ao assassinato de um de seus residentes.

A comunidade internacional considera, de forma predominante, que os assentamentos construídos em terras ocupadas reivindicadas pelos palestinos, como a Cisjordânia, são ilegais.

No começo deste mês, um homem de 35 anos e pai de seis filhos foi atingido por um tiro enquanto dirigia perto de sua residência em Havat Gilad, comunidade que conta com menos de mil israelenses.

Netanyahu afirmou que seu governo legalizará Havat Gilad para ‘permitir que a vida normal continue no local‘. O grupo Peace New, que se opõe aos assentamentos, declarou que a tentativa de legalizar o posto avançado é uma ‘exploração cínica do assassinato‘.  

Voltar Imprimir

Comentários

GD

GD

Enquete

Quanto do seu tempo você dedica à diversão?

Parcial

Edição digital

Sábado, 20/10/2018

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 22,00 0,69%

Algodão R$ 115,18 1,08%

Boi a Vista R$ 131,00 0,00%

Soja Disponível R$ 71,50 -0,69%

Classi fácil
btn-loja-virtual

Mais lidas

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2018 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.