CRM abre sindicância para investigar morte de mulher após cirurgias plásticas | Gazeta Digital

Terça, 15 de maio de 2018, 17h21

Plástica para Todos

CRM abre sindicância para investigar morte de mulher após cirurgias plásticas

Redação do GD


Otmar de Oliveira

Maria de Fátima, presidene do CRM-MT explica que o Conselho Regional de Medicina já solicitou informações e prontuários médicos sobre o caso

O Conselho Regional de Medicina de Mato Grosso (CRM) abriu sindicância para investigar a morte de Edléia Daniele Fereira Lira, 33, e afirma que a empresa e os profissionais envolvidos no programa de plásticas a preços populares não têm inscrição e nem responsável técnico cadastrado no órgão no Estado. Até esta segunda-feira (14), o CRM e a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) em Mato Grosso não tinham conhecimento sobre os médicos e profissionais que realizaram as cirurgias e nem a confirmação de quais procedimentos foram feitos.

O “Plástica para Todos” é anunciado por meio de redes sociais. São vendidos procedimentos a preços mais baixos e com condições de pagamento que variam de 12 a 24 vezes. Segundo informações em um grupo no qual o programa foi anunciado, as plásticas variam de R$ 4,9 mil a R$ 12,8 mil e são realizadas por 3 médicos em todo o país. Os profissionais não são de Mato Grosso.

Segundo a presidente do CRM-MT, Maria de Fátima de Carvalho Ferreira, o conselho tomou conhecimento da morte de Daniele Bueno pela imprensa e solicitou informações e prontuários médicos sobre o caso.

Divulgação

Jubert Sanches afirma que SBPC é contra o projeto Plástica para Todos

O médico cirurgião plástico e titular da SBPC em Mato Grosso, Jubert Sanches, explica que a associação é contra esse tipo de projeto e que alguns dos médicos que participam do programa já respondem a sindicância e são investigados pela prática que infringe as normas estabelecidas. A orientação, segundo ele, é para que as pessoas não utilizem esse tipo de programa, pois estão fora das normas éticas da medicina.

A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica divulgou nota na qual se solidariza com os familiares pela perda de Danielle e afirma que defende o cumprimento de normas e critérios cientíticos que garantam a segurança do paciente.

Leia a nota da SBCP na íntegra

NOTA A IMPRENSA

Considerando o lamentável incidente em procedimento cirúrgico envolvendo a Sra. D.B., ocorrido, segundo informações veiculadas na imprensa, em 14/05/2018, em Cuiabá-MT, a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica – Regional Mato Grosso, manifesta-se com o que segue:

Solidarizamo-nos com a família enlutada.

O entendimento e orientação da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) é pelo fiel cumprimento de normas e critérios científicos que maximizem a segurança do paciente. Reiteradamente a SBCP alerta a população para o risco da atuação de agentes intermediadores, em mídias sociais, e/ou planos financeiros para realização de cirurgias plásticas, fazendo de pacientes objetos de mercância, no interesse vil em detrimento de qualidade e segurança.

Entretanto, a análise da conduta profissional, dos fenômenos orgânicos da paciente, somados às condições estruturais na realização do procedimento elencado, é que trarão uma razão de juízo acerca de causas e efeitos de cada caso concreto. Para tanto, órgãos e autoridades oficiais, são investidos de poderes na emissão de pareceres técnicos fundamentados.

Tem-se por óbvio que qualquer pré-julgamento acerca de fatos não comprovados, se trata de mera especulação e exploração sensacionalista de um momento delicado como tal.
Não obstante, a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, aguarda o pronunciamento conclusivo dos órgãos oficiais acerca dos fatos, para que possa se manifestar tecnicamente sobre o ocorrido e, agir no âmbito de suas funções.

Cuiabá, 14 de maio de 2018.

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica – Regional Mato Grosso

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Terça, 22 de maio de 2018

10:10 - Plásticas voltam a ser feitas no Hospital Militar após morte de paciente

Domingo, 20 de maio de 2018

16:15 - Médico alerta para cirurgias plásticas de baixo custo e riscos lá em cima

Quinta, 17 de maio de 2018

17:35 - Confiante em programa, cuiabana vem da Espanha por cirurgias mais baratas

Quarta, 16 de maio de 2018

17:14 - Após morte, empresa nega erro médico e cancela cirurgias em Hospital Militar

13:20 - Laudo decidirá qual delegada investigará morte de mulher após cirurgia plástica

Terça, 15 de maio de 2018

16:49 - Mulher morreu por choque hemorrágico causado por cirurgias plásticas

Segunda, 14 de maio de 2018

17:25 - Mulher morre após fazer plástica e esperar transferência por horas


// leia também

Quarta, 23 de maio de 2018

13:15 - Confira fotos e vídeos da expulsão de 465 famílias de residencial invadido

11:51 - Motoristas de carga pesada devem emitir a AET para trafegar em Cuiabá

11:46 - Caminhoneiros bloqueiam 16 pontos nas rodovias federais

11:04 - Professora morre com suspeita de gripe H1H1 em Primavera do Leste

07:53 - PF cumpre reintegração de posse em residencial invadido por famílias - veja vídeos

Terça, 22 de maio de 2018

17:33 - Obras no valor de R$ 85 milhões em esgoto atenderão 49 bairros de VG

16:50 - Ciclista de 82 anos morre após ser atropelado e jogado para fora da pista

10:34 - BR-364 terá interdição total por quatro noites a partir de quinta-feira

08:31 - Caminhoneiros bloqueiam 12 pontos de 4 rodovias federais de MT

08:00 - Piloto de CB 300 morre ao ser atingido por Gol na MT-130


 veja mais
Cuiabá, Quarta, 23/05/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Quarta, 23/05/2018
C00a5c77f5135796e2f638a16979bea8 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Alta no preço dos combustíveis vem pesando no bolso do brasileiros




Logo_classifacil









Loja Virtual