Mulher morre após fazer plástica e esperar transferência por horas | Gazeta Digital

Segunda, 14 de maio de 2018, 17h25

Mulher morre após fazer plástica e esperar transferência por horas

Karine Miranda, repórter do GD


A jovem Danielle Ferreira Lira, 33, morreu após ter complicações logo depois de se submeter a duas cirurgias plásticas no Hospital Militar, em Cuiabá,  e ter de aguardar por horas para conseguir uma transferência para  outro hospital, para ser internada em uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). Danielle teve morte cerebral confirmada no domingo (13) e a  família registrou uma denúncia na Polícia Civil.

A jovem passou por uma lipoescultura e mamoplastia redutora com o médico Eduardo Santos Montoro pelo programa “Plástica Para Todos”, que busca facilitar o acesso à cirurgia plástica. Ela pagou R$ 50 para entrar no grupo de WhatsApp do programa, mais R$ 50 pela consulta e outros R$ 6 mil pelas duas cirurgias.

Reprodução/Facebook

Danielle morreu aos 33 anos

De acordo com o boletim de ocorrência registrado pela esposa de Danielle, as cirurgias duraram cerca de 6 horas. Assim que concluídas, a vítima foi para o quarto acompanhada de sua esposa e disse que estava cansada.

Em seguida, um enfermeiro entrou no quarto para observar Danielle, momento em que a esposa viu que os dedos dela estavam “brancos” e disse ao enfermeiro que havia algo errado.

Então, o enfermeiro e esposa viraram Danielle de costas e viram sangue saindo pelo dreno. Mas o enfermeiro disse que isso poderia ser reflexo da anestesia. Apesar disso, ele chamou outro enfermeiro, que verificou que Danielle estava sem pulso.

Após isso, segundo o boletim de ocorrência, começou o corre-corre no quarto com equipamentos de desfibrilador, adrenalina e uma bomba manual de oxigênio na tentativa de recuperar o pulso de Danielle.

Inclusive os enfermeiros fizeram massagens cardíacas no peito de Danielle, que causou hematomas na cirurgia recém-realizada. Apesar de estar desfalecendo, Danielle continuou aguardando no quarto, uma vez que o hospital não possui Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Somente pouco mais de uma hora depois o médico teria chegado ao hospital e a família foi informada que iam encaminhá-la para o Hospital Sotrauma, mediante a apresentação de um cheque-caução de R$ 17,5 mil. Com isso, a transferência só ocorreu por volta das 18h30, cerca de 4 horas depois do término das cirurgias.

Já no hospital Sotrauma, Danielle foi levada diretamente para a UTI e medicada. Porém, teve várias paradas cardíacas e, na sequência, teve paralisia cerebral e falência múltipla dos órgãos. Ela ficou internada na UTI por quase 2 dias.

A morte cerebral foi confirmada às 17h do domingo, após Danielle passar por um protocolo de avaliação que comprova a perda definitiva e irreversível das funções cerebrais.

Polícia investiga – Após a morte, a família registrou o caso na Polícia Civil, que vai investigar as circunstâncias da morte de Danielle. O caso está sob a responsabilidade da delegada Juliana Palhares, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Hospitais se pronunciam –  O Hospital Militar informou que todos os procedimentos necessários foram realizados para garantir a recuperação da paciente e esclareceu que a unidade realiza procedimentos de média e baixa complexidade, portanto não há exigência de UTI no local.

Já o hospital Sotrauma informou, por meio de nota à imprensa, que a cirurgia plástica não foi realizada na unidade e que prestou toda a assistência necessária assim que a paciente chegou.

Alerta – A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, por sua vez, encaminhou uma nota à imprensa alertando a população para o risco da atuação de agentes intermediadores para realização de cirurgias plásticas. Isto porque, em muitos casos, eles fazem "de pacientes objetos de mercância, no interesse vil em detrimento de qualidade e segurança".

Além disso, apontou que qualquer pré-julgamento acerca de fatos ou da conduta médica se trata de "mera especulação e exploração sensacionalista". Por isso,  vai aguardar o resultado das investigações para que possa se manifestar tecnicamente sobre o ocorrido.

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quarta, 18 de julho de 2018

15:04 - Vídeo do Doutor Bumbum divulga aplicação de PMMA

14:15 - CRM interdita programa Plástica Para Todos e proíbe cirurgias em MT

13:00 - Imprensa estrangeira noticia morte de bancária

12:00 - Advogada de médico diz que é cedo para julgar conduta

11:25 - Namorada de 'Dr. Bumbum' acusada de matar bancária é levada para cadeia - veja vídeo

10:51 - Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro nega habeas corpus a Doutor Bumbum

09:45 - Familiares e amigos dão adeus à bancária que morreu após cirurgia - veja vídeo

08:50 - Cremerj denuncia cirurgião que fez procedimento estético em casa

08:30 - Pacientes desistiram de cirurgia ao saber que seriam operadas em apartamento

07:46 - Disque Denúncia oferece recompensa por prisão do Doutor Bumbum e mãe


// leia também

Quarta, 18 de julho de 2018

07:15 - Interessados dormem em fila gigante para o Residencial Nico Baracat

07:00 - É um pesadelo que não tem fim, diz filho de bancária morta após procedimento

Terça, 17 de julho de 2018

19:00 - Namorada do 'Dr. Bumbum' nega ter participado de cirurgia em cuiabana - veja vídeo

17:40 - Bancária conversava com médico há 6 meses e pretendia colocar 'chip'

16:14 - Bancária sofreu 4 paradas cardiorrespiratórias em hospital após cirurgia

11:25 - Câmeras mostram bancária em hospital antes de morrer - confira o vídeo

10:20 - 40 hectares de milho são destruídos por fogo em propriedade rural de MT

10:00 - Médico não tem registro no RJ está foragido da Polícia

08:55 - Corpo de bancária é transladado para ser velada em Cuiabá

Segunda, 16 de julho de 2018

14:56 - Médicos criticam e não fazem procedimento estético que matou bancária


 veja mais
Cuiabá, Quinta, 19/07/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Quinta, 19/07/2018
A631713a5a0b92ecb883d723ff64c66b anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Qual sua opinião sobre o recesso dos parlamentares no mês de julho?




Logo_classifacil









Loja Virtual