Sem remédios, PS de Cuiabá 'escolhe' pacientes e passa por vistoria | Gazeta Digital

Segunda, 05 de março de 2018, 12h29

SAÚDE PÚBLICA

Sem remédios, PS de Cuiabá 'escolhe' pacientes e passa por vistoria

Keka Werneck, repórter do GD


Atualizada às 15h30 - Sem medicamentos e insumos necessários ao atendimento de pacientes graves e também eletivos, equipe de funcionários do Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC) resolveu parar de atender casos que "podem esperar",  na sexta-feira (2), e focar apenas em urgências.

O problema foi levado formalmente, na sexta, por meio da Comunicação Interna (CI) de nº 073, à secretária de Saúde, Elizeth Araújo e à adjunta de Planejamento e Operações da pasta, Dúbia Campos.

Na CI, consta que os itens em falta são indispensáveis "à manutenção da vida dos pacientes". 

No documento, é alertado que a falta de alguns dos materiais e medicamentos hospitalares "pode significar inclusive a morte de pacientes".

Diante deste quadro é que ocorreu a suspensão dos serviços eletivos. A informação dos funcionários do PS é que os serviços ainda não foram restabelecidos.

Diretoras negam autoria de documento

Na Comunicação Interna que o Gazeta Digital constam os nomes de duas diretoras tecnicas do Pronto-Socorro e de uma coordenadora.

Porém, a assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Saúde contatou a reportagem afirmando que as diretoram negam a autoria e afirmam que não assinaram o documento.

A alegação é de que o documento tenha sido confeccionado por outros servidores e os nomes das diretoras foram usados "indevidamente". Por este motivo o documento foi editado pelo Gazeta Digital para retirada dos nomes das 3 servidoras.

Na manhã desta segunda-feira (5), a adjunta Dúbia Campos fez uma vistoria no Pronto-Socorro e a Secretaria Municipal de Saúde emitiu nota, afirmando que a situação está sendo contornada.

Gazeta Digital

  Confira a íntegra da nota

"Devido à crise dos medicamentos, na tarde de sexta (02) foram suspensos temporariamente os procedimentos eletivos, que são aqueles que não requerem assistência médica dentro de um espaço reduzido de tempo e que não apresentam risco de morte para o paciente. Os atendimentos de urgência e emergência não foram suspensos em momento algum. Com a chegada de um caminhão de medicamentos na mesma tarde, o PS foi reabastecido e os atendimentos eletivos voltaram a ser realizados."

Caos histórico

A situação caótica no PS de Cuiabá é histórica. Em dezembro do ano passado, voltou a preocupar com os corredores da unidade lotados, mais do que o "normal", devido à crise hospitalar no interior do Estado.

Em diversas ocasiões, pacientes e funcionários denunciaram o caos na unidade.

Vídeo de PS lotado e xingamentos viraliza

Em fevereiro deste ano, a secretária Elizeth Araújo admitiu que está em falta na rede municipal 249 remédios e insumos e seriam feitas ações especiais de compra.

Saúde fará contrato de R$ 30 milhões para compra de medicamentos

Reprodução

 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Terça, 19 de junho de 2018

09:06 - Governador afirma que equipamentos do Pronto Socorro já estão sendo negociados

Segunda, 18 de junho de 2018

08:31 - Número de obesos entre jovens mais que dobra em uma década

Sexta, 15 de junho de 2018

11:29 - Prefeitura tem aval do Estado para alugar equipamentos hospitalares

Quinta, 14 de junho de 2018

21:00 - Pelo menos 1,6% da população brasileira doa sangue; jovens são maioria

17:20 - Mulher aguarda 13h para ser atendida na UPA e marido se revolta

Quarta, 13 de junho de 2018

09:56 - Três em cada quatro idosos que fraturam o fêmur têm osteoporose

Sexta, 08 de junho de 2018

13:20 - Fundo emergencial de R$ 183 milhões não está atrelado à saúde, diz Botelho

Terça, 05 de junho de 2018

09:22 - Menina com hipotireoidismo ganha liminar, mas não consegue exame em hospital

Segunda, 04 de junho de 2018

12:52 - ANS suspende comercialização de 31 planos de saúde por reclamações

Quinta, 31 de maio de 2018

08:52 - Em Mato Grosso, 11 mortes estão confirmadas por Influenza


// leia também

Quarta, 20 de junho de 2018

18:42 - Obras de asfalto e saúde em VG consomem R$ 40 milhões e são fiscalizadas

14:28 - Assembleia autoriza governo a fazer concessão da Salgadeira

13:00 - MP realiza estudo antropológico para definir o destino de bebê indígena

09:50 - Sine oferta mais de 1,5 mil vagas de emprego em Mato Grosso

07:30 - Família de esteticista diz que laudo deu respaldo para punir envolvidos

Terça, 19 de junho de 2018

18:17 - Governo do Estado rompe contrato com empresa responsável por obras de aeroporto

16:15 - Prefeitura de Cuiabá abre seletivo com 4 mil vagas e salários de até R$ 3,2 mil

14:35 - Bebê indígena continua internada em UTI em estado grave

13:35 - Homem morre após perder controle de moto e cair em estrada vicinal

12:15 - Alunos e professores da UFMT decidem retomar as aulas dia 25


 veja mais
Cuiabá, Quarta, 20/06/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Quarta, 20/06/2018
845f3eba647f5498546cb197c3e58484 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Qual o futuro de Neymar nessa Copa do Mundo?




Logo_classifacil









Loja Virtual