Governo de MT quer comprar armas estrangeiras para substituir a Taurus | Gazeta Digital

Domingo, 21 de janeiro de 2018, 08h00

Governo de MT quer comprar armas estrangeiras para substituir a Taurus

Valquiria Castil, repórter do GD


Otmar de Oliveira

Após série de problemas e acidentes com armas da Taurus, governo de MT pretende disputar licitação internacional para trocar armamento

Ainda sem data prevista de abertura de licitação para compra de novas armas, a Secretaria de Estado e Segurança Pública (Sesp) afirma ser prioridade a substituição dos armamentos da marca Taurus, que vem  apresentando falhas e vários acidentes resultando em mortes e ferimentos entre agentes de segurança em Mato Grosso e também em vários estados do País.

Desde março do ano passado são realizados estudos que visam estabelecer uma padronização bélica. Em junho de 2017, uma Comissão Interinstitucional formada por 2 delegados da Polícia Civil, 2 peritos criminais, um major e um cabo da Polícia Militar sugeriu a troca imediata das pistolas fabricadas pela Taurus. O governador Pedro Taques (PSDB) frisou o interesse na compra de armas estrangeiras ainda para este ano.

Gcom-MT

Governador Pedro Taques durante coletiva da Sesp onde falou também sobre a licitação para trocar armamento

“Nossa ideia é participar de uma concorrência internacional para que possamos comprar com preços bem menores pistolas como as utilizadas no estado de São Paulo, ao menos inicialmente para o grupos especiais, e também de qualidade. A segurança é nossa prioridade para termos um estado melhor”, disse o gestor ao participar de coletiva de imprensa para apresentação dos dados relativos aos crimes registrados no decorrer do ano passado bem como a atuação da Sesp na elucidação dos mesmos.

Leia também - Comissão sugere troca de pistola no combate ao crime

Investimentos

Conforme os dados aprentados pelos gestores da Sesp, o investimento feito na segurança pública de Mato Grosso dobrou nos últimos 4 anos. De R$ 1 bilhão investido em 2013, os valores ultrapassaram os R$ 2 bilhões no ano passado, distribuídos na aquisição de armamentos, coletes à prova de balas, inteligência e pessoal.

Somente em inteligência foram utilizados R$ 13 milhões. De 2015 até 2017 foram chamados 3.363 servidores efetivos, que custam R$ 200 milhões por ano. O aumento no investimento também inclui a quantidade de viaturas nas ruas e o custo para manutenção e aquisição de materiais de consumo, por exemplo, combustíveis para os veículos utilizados pelas forças policiais.

“Em 2015 tínhamos 680 viaturas do Estado, ao qual nos gera um custo grande de manutenção. Hoje são 1.120 viaturas nas ruas, todas locadas. Isso garante o efetivo caso algum veículo estrague e lógico a segurança também”, apontou Taques. 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Segunda, 02 de julho de 2018

18:21 - Juristas afiançam guardas municipais armados, mas apontam 'distorção de papeis'

Sexta, 29 de junho de 2018

16:03 - STJ decide que apreensão de munição sem arma é crime insignificante

Quinta, 28 de junho de 2018

09:35 - Indígenas são detidos com espingardas e arara morta

Sábado, 09 de junho de 2018

09:19 - Força Tática prende jovem que divulgava aluguel de armas

Segunda, 16 de abril de 2018

12:08 - Simulacro de arma é adquirido facilmente na internet e em lojas físicas

11:55 - Armas falsas estão em 40% dos roubos no Rio e MP pede mais rigor

Quinta, 12 de abril de 2018

17:40 - Operação conjunta apreende 14 armas de fogo em Lucas do Rio Verde

Sexta, 06 de abril de 2018

14:22 - França e Alemanha lançam projeto para produzir armas

Quinta, 05 de abril de 2018

15:18 - Usuário de tornozeleira é preso com arma escondida em bota

Quarta, 28 de março de 2018

08:25 - Trio é preso pela PM após furtos e portes de armas


// leia também

Terça, 17 de julho de 2018

19:00 - Namorada do 'Dr. Bumbum' nega ter participado de cirurgia em cuiabana - veja vídeo

17:40 - Bancária conversava com médico há 6 meses e pretendia colocar 'chip'

16:14 - Bancária sofreu 4 paradas cardiorrespiratórias em hospital após cirurgia

11:25 - Câmeras mostram bancária em hospital antes de morrer - confira o vídeo

10:20 - 40 hectares de milho são destruídos por fogo em propriedade rural de MT

10:00 - Médico não tem registro no RJ está foragido da Polícia

08:55 - Corpo de bancária é transladado para ser velada em Cuiabá

Segunda, 16 de julho de 2018

14:56 - Médicos criticam e não fazem procedimento estético que matou bancária

11:30 - Pai e filho caem de ponte e morrem em acidente no Araguaia

10:24 - Engavetamento envolvendo 4 carros congestiona Avenida Miguel Sutil


 veja mais
Cuiabá, Quarta, 18/07/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Quarta, 18/07/2018
93ae6ae9690a2b7358a5399642de1263 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

A apreensão de material do jogo do bicho e a liberdade de Arcanjo têm alguma ligação?




Logo_classifacil









Loja Virtual