Oi é multada por bloquear telefone e atrapalhar grampos da PJC | Gazeta Digital

Quarta, 10 de janeiro de 2018, 17h25

sinal interrompido

Oi é multada por bloquear telefone e atrapalhar grampos da PJC

Redação do GD


A empresa de telefonia Oi foi multada em R$ 27 mil por interromper por 2 dias os serviços de telefonia em uma linha usada pela Polícia Civil para interceptações telefônicas.

A suspensão do serviço ocorreu nas datas de 25 e 26 de fevereiro  e prejudicou interceptações contra 151 alvos da PJC. 

De acordo com a Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp) e a Controladoria Geral do Estado (CGE), a empresa interrompeu sem justificativa a linha do E1, totalizando 200 DDRs (Discagem Direta a Ramal). 

Depois do episódio, um processo administrativo foi aberto contra a empresa  no qual ficou caracterizada a inexecução do contrato número 035/2014 assinado com a Sesp. 

O processo administrativo foi instaurado por meio de uma portaria conjunta entre CGE e Sesp, publicada no Diário Oficial do Estado do dia 6 de dezembro de 2016, com fundamento na Lei de Licitações (Lei Federal n. 8.666/1993).

A punição foi imposta por ambas as Pastas e a sanção publicada no Diário Oficial do Estado que circula nesta quarta-feira (10). “As sanções por inexecução contratual não são somente para pré-liquidar perdas e danos, mas também um reforço para que a parte (empresas contratadas) cumpra sua obrigação de maneira pontual e integral. A punição é uma condição inafastável do dever de Estado. A capacidade de punir é também um distintivo para um ambiente de governança”, observa o secretário-controlador geral do Estado, Ciro Rodolpho Gonçalves. (As informações são da assessoria da CGE)

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Sexta, 15 de junho de 2018

13:14 - Governo destinará 20% do Fundo da Saúde aos hospitais filantrópicos

12:26 - Ciro Rodolpho deixa Controladoria e assume a Casa Civil

Quinta, 14 de junho de 2018

18:35 - Júlio Modesto pede demissão da Casa Civil

Quarta, 13 de junho de 2018

15:12 - TJ nega suspeição e deixa coronéis julgar ação dos grampos contra PMs

Terça, 12 de junho de 2018

16:10 - Duplicação de trecho urbano da Estrada da Chapada entra na reta final

Sexta, 08 de junho de 2018

13:10 - Governo de MT antecipa e paga todos os servidores nesta sexta-feira

13:05 - Mauro Savi é ouvido como testemunha em inquérito da 'grampolândia pantaneira'

Quarta, 06 de junho de 2018

17:04 - Bolívia autoriza voo comercial entre Cuiabá e Santa Cruz de La Sierra

Segunda, 04 de junho de 2018

12:34 - Taques comete gafe pró-Leitão e bancada revida

10:10 - Crise entre Taques e bancada faz secretário de Aviação suspender visita a MT


// leia também

Domingo, 17 de junho de 2018

15:56 - Cuiabanos assistem estreia do Brasil em bares e praças da capital

11:58 - Segurança e saúde são garantidos na 33ª edição do Festival de Inverno

Sábado, 16 de junho de 2018

10:06 - Quatro cidades de MT estão entre os 123 municípios com maior mortes no país

09:15 - Um ano após matar colega, PM recebe homenagem e viúva critica

08:58 - Ledur inicia contagem para a aposentadoria por invalidez

Sexta, 15 de junho de 2018

16:10 - Programa de cirurgias 'baratas' tenta invalidar laudo sobre morte de paciente

15:37 - Mais de 300 tartarugas capturadas em pesca predatória são devolvidas ao rio

13:15 - Pista do Aeroporto Marechal Rondon é interditada para obras e voos cancelados

08:30 - Acidente entre 5 carretas mata uma pessoa, fere outras 4 e interdita pista

08:00 - Dois morrem e 5 ficam feridos após acidente na Estrada da Guia


 veja mais
Cuiabá, Segunda, 18/06/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Segunda, 18/06/2018
4e47432e5d7c10f8cc440c97a233c10f anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Canarinho Pistola, mascote da seleção brasileira, foi vetado dos jogos da Copa




Logo_classifacil









Loja Virtual