COT do Pari deve abrigar Escola de Formação de Soldado da PM | Gazeta Digital

Terça, 16 de maio de 2017, 17h20

Readequação

COT do Pari deve abrigar Escola de Formação de Soldado da PM

Débora Siqueira, Sesp MT


O Centro Oficial de Treinamento Rubens dos Santos, o COT do Pari, em Várzea Grande, deve se tornar a Escola de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (Esfap) da Polícia Militar (PM-MT). O local foi concebido para ter sido utilizado na Copa do Mundo de 2014. A primeira reunião para acertar os detalhes de como se dará o projeto ocorreu nesta terça-feira (16), na Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT).

O encontro contou com a presença do titular da pasta, Rogers Jarbas, o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Jorge Luiz, o secretário-adjunto de Políticas Urbanas da Secretaria de Estado das Cidades, Claudio Santos de Miranda, e o secretário-adjunto de Inteligência da Sesp, Gustavo Garcia.

Otmar de Oliveira

COT do Pari deve abrigar Escola de Formação de Soldado da Polícia Militar

“Acredito, não apenas como comandante da PM, mas como mato-grossense, de que aquele local deve ter a obra retomada e ter um propósito. Nós precisamos de um local para a Esfap que hoje funciona em um prédio alugado e ali seria ideal”, comentou o coronel Jorge Luiz, se referindo à unidade localizada na rodovia Helder Cândia, no antigo Colégio São Nicolau.

Ainda nesta semana, o secretário-adjunto da Secid deve visitar a Escola de Formação e Aperfeiçoamento de Praças para conhecer a demanda por salas de aulas, alojamento e o setor administrativo para a elaboração do projeto na área do COT.

Durante a reunião, o comandante disse que o mínimo de 10 salas de aulas é necessário para a formação de um contingente de 300 soldados. O recurso para a construção do local e a retomada da obra será de origem estadual, pois o COT do Pari saiu da matriz da Copa.

De acordo com o secretário Rogers Jarbas, outras forças de segurança, como o Corpo de Bombeiros, Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e Departamento Estadual de Trânsito (Detran) poderão utilizar o espaço, por meio de cessão pela PM. “O local tem campo de futebol, área de atletismo, e até mesmo as salas de aula que podem ser emprestadas para a formação das outras unidades vinculadas à Sesp”.

O COT do Pari é uma das obras inacabadas que eram para ficar prontas até junho de 2014 e 70% da obra estão concluídos. O Centro Oficial de Treinamento está orçado em R$ 31,7 milhões e mais de R$ 21 milhões foram repassados ao Consórcio Barra do Pari, liderado pela empresa Engeglobal. O valor da obra não inclui o projeto da Esfap. 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// leia também

Quarta, 20 de setembro de 2017

09:41 - Psicólogos e comunidade LGBT de Cuiabá querem suspensão de liminar da 'cura gay'

Terça, 19 de setembro de 2017

18:45 - Morte de namorada de bombeiro completa 30 dias sem laudo

18:30 - Revoltados com promessas, moradores bloqueiam ruas exigindo obras e asfalto - vídeo

17:58 - Com pavimentação de Cotriguacu a Juruena Pró-Estradas soma 2 mil km de asfalto

16:23 - Telhado da Câmara de VG cede e trabalhador despenca por 4 metros de altura

14:21 - Incêndio destrói restaurante próximo ao Hospital Regional

Segunda, 18 de setembro de 2017

17:46 - Prefeitura de Cuiabá convoca 121 aprovados no concurso da Educação

17:31 - Banco indenizará cliente que ficou 4h em fila

17:15 - Falha elétrica é a possível causa do incêndio no frigorífico em Rondonópolis

16:02 - Projeto prevê internação involuntária e compulsória de dependentes químicos


 veja mais
Cuiabá, Quarta, 20/09/2017
 
Facebook Instagram
GDEnem

Fogo Cruzado
titulo_jornal Quarta, 20/09/2017
Ca366c85786e904951ca9343d5674919 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Deputados citados nas delações de Silval Barbosa não farão mais parte da Comissão de Ética da AL




Logo_classifacil









Loja Virtual