Presidente da Riotur diz ser 'radicalmente contra' blocos de rua não oficiais | Gazeta Digital

Quinta, 11 de janeiro de 2018, 17h30

Presidente da Riotur diz ser 'radicalmente contra' blocos de rua não oficiais


Agência Brasil

O presidente da Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro (Riotur), Marcelo Alves, apresentou hoje (11) a programação da cidade do Rio de Janeiro para o carnaval de 2018 e disse que os blocos não oficiais serão notificados pela prefeitura.

A programação oficial prevê 600 desfiles de 464 blocos de rua, que deverão respeitar o tempo máximo de seis horas de cortejo e terminar antes das 22h. Sobre blocos não oficiais, Alves disse que haverá rigor na fiscalização e chamou os grupos de ‘ilegais‘.

‘Isso para nós é um problema sério. Queremos, sim, rigor‘, afirmou. ‘A gente não gera estrutura, a gente não gera logística para que aquele bloco e os foliões tenham segurança. Então, sou radicalmente contra. A manifestação pode acontecer, mas tem que ser legal‘, acrescentou.

O presidente da Riotur pediu que os blocos ainda não cadastrados enviem informações à prefeitura e explicou que ‘rigor é fazer com que pelo menos os responsáveis pelos blocos sejam notificados‘.

Sobre a possibilidade de a Guarda Municipal reprimir esses blocos, Alves disse que não haverá repressão aos grupos. ‘Repressão, eu não digo, mas vai ser notificado. Cada vez mais, através do nosso projeto que foi apresentado, Rio Mais Legal, não permitiremos nada que for ilegal. A dimensão do carnaval da cidade não permite‘.

Megablocos

Este ano, blocos de rua que reúnem mais de 200 mil pessoas, os chamados megablocos, não poderão desfilar pela orla de Copacabana, Ipanema e Leblon, apenas no centro da cidade. A restrição, no entanto, não inclui blocos tradicionais dos bairros da zona sul, como o Simpatia é Quase Amor e a Banda de Ipanema, que reúnem multidões na Orla de Ipanema.

Na Barra da Tijuca, a prefeitura vai retirar grandes blocos da Praia do Pepê, por considerar que os desfiles de 2017 causaram problemas na região. Esses blocos serão transferidos para o centro da cidade ou para a Arena Carnaval Rio 2018, construída no Parque dos Atletas pelos patrocinadores do carnaval do Rio.

A arena é uma aposta da prefeitura para movimentar mais o carnaval na Barra da Tijuca e aumentar a ocupação dos hotéis do bairro. O espaço terá lotação de 40 mil pessoas, com entrada franca. No palco, haverá apresentações de blocos famosos como o Cordão da Bola Preta e o Bangalafumenga, além de escolas de samba e cantores.

Um palco focado em atrações infantis e para famílias será montado no Boulevard Olímpico e terá apresentações de blocos como o Gigantes da Lira, que reúne crianças todos os anos em Laranjeiras, na zona sul. Outros 16 palcos serão montados em diferentes pontos da cidade e terão bailes populares. 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Terça, 24 de abril de 2018

17:00 - Receita apreende carga de heroína e explosivo no Galeão

14:49 - Polícia busca homem suspeito de mandar matar genro por ser negro

13:25 - Tropas cercam morros do Rio que lutam pelo controle do tráfico

Quinta, 19 de abril de 2018

15:01 - Operação contra milícia no estado do Rio prende oito pessoas

Quarta, 18 de abril de 2018

14:05 - Criminosos roubam carga de celulares avaliada em R$ 3,4 milhões no Galeão

Segunda, 16 de abril de 2018

11:57 - Documentário 'Auto de Resistência' mostra a violência policial no Rio

Sexta, 13 de abril de 2018

14:12 - Operação contra venda de drogas prende 45 pessoas em municípios do Rio

Quinta, 12 de abril de 2018

14:43 - Rogério 157 nega ter sido chefe da Rocinha durante audiência

Terça, 10 de abril de 2018

12:58 - Balas perdidas atingem duas mulheres na zona norte do Rio

Quarta, 04 de abril de 2018

15:38 - PMs acusados de fuzilar carro e matar cinco jovens vão a júri popular no Rio


// leia também

Quarta, 25 de abril de 2018

14:42 - Câmeras flagram ação de prefeito de Bariri suspeito de abuso sexual

14:29 - Condenados pela morte da juíza Patrícia Acioli são réus em outro crime

11:53 - Polícia prende 12 pessoas em nova operação contra quadrilha de milicianos no Rio

09:35 - PF indicia 23 por desvios de recursos da UFSC

09:25 - Justiça analisa liberdade de 138 detidos em ação contra a milícia

Terça, 24 de abril de 2018

16:46 - Usuário de maconha terá aplicativo para monitorar danos causados pela droga

14:55 - Carro onde estava Marielle Franco passará por nova perícia

09:59 - Morador de rua é espancado com taco em frente a padaria em SP

09:45 - Mais de 17 milhões de brasileiros até 14 anos vivem na pobreza

Segunda, 23 de abril de 2018

19:00 - Procuradoria dá cinco dias ao Incra para pedir reintegração de terras no Pará


 veja mais
Cuiabá, Quarta, 25/04/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Quarta, 25/04/2018
72a9403112aff7a049263a318f98e418 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Proposta sugere que presos ainda não condenados tenham prisão substituída por atividades escolares




Logo_classifacil









Loja Virtual