Israel seria fonte de dados passados por Trump à Rússia | Gazeta Digital

Terça, 16 de maio de 2017, 17h07

mundo

Israel seria fonte de dados passados por Trump à Rússia

ANSA


Reuters

As informações confidenciais passadas pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ao ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, teriam sido fornecidas por Israel.

A notícia foi publicada em primeira mão pelo jornal "The New York Times" e pode comprometer as relações entre Washington e seu aliado histórico, com quem Trump vinha promovendo uma reaproximação após os anos de tensão bilateral com o democrata Barack Obama.

Além disso, o republicano visitará o país no início da semana que vem. "Israel tem completa confiança no compartilhamento de inteligência com os Estados Unidos e quer reforçar essa relação nos anos sob presidência de Trump", minimizou o embaixador israelense nos EUA, Ron Dermer, citado pelo "NYT".

Já o porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer, se recusou a comentar a notícia. As informações secretas foram reveladas durante um encontro com Lavrov na semana passada, e o próprio Trump admitiu o fato. "Como presidente, eu quis compartilhar com a Rússia, o que eu tenho o direito absoluto de fazer, fatos relativos ao terrorismo e à segurança aérea", escreveu o presidente no Twitter.

Segundo reportagem do jornal "The Washington Post", Trump deu ao chanceler russo detalhes sobre os motivos de seu governo ter proibido o uso de notebooks, câmeras fotográficas e tablets em voos provenientes de países do norte da África e do Oriente Médio.

O republicano também teria revelado de onde partira a informação de que o grupo terrorista Estado Islâmico estava testando bombas em laptops (supostamente Israel) e o nome do colaborador estrangeiro que fizera a denúncia. A informação era tão secreta que nem mesmo membros do governo norte-americano tinham acesso a ela, já que a nação de origem do espião cobrara sigilo por parte da Casa Branca.

O caso arrisca provocar repercussões nas relações entre os EUA e seus principais aliados ocidentais. Fontes da União Europeia disseram nesta terça-feira que podem parar de compartilhar segredos de inteligência com Washington caso fique comprovado que Trump passou dados secretos para a Rússia. 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Domingo, 01 de outubro de 2017

11:26 - Trump elogia trabalho dos EUA em Porto Rico em novas mensagens no Twitter

Quinta, 14 de setembro de 2017

10:59 - Trump nega acordo com oposição sobre imigrantes jovens e defende muro

Quarta, 13 de setembro de 2017

09:16 - Trump convida Temer para reunião de líderes que discutirá crise venezuelana

Segunda, 11 de setembro de 2017

09:34 - EUA relembram 16º aniversário dos atentados de 11 de Setembro

Terça, 05 de setembro de 2017

10:42 - Tóquio e Seul podem comprar equipamento militar sofisticado dos EUA

Segunda, 04 de setembro de 2017

10:24 - Trump defende reforma que reduza dramaticamente impostos para trabalhadores

Sexta, 01 de setembro de 2017

09:32 - Trump doará US$ 1 milhão para vítimas do Harvey, diz Casa Branca

09:28 - Mais de 300 mil pessoas pediram ajuda ao governo dos EUA após Harvey

Quinta, 31 de agosto de 2017

10:28 - Mulher se forma aos 97 anos após ser expulsa de escola em 1938

10:03 - Fábrica química registra duas explosões após chuvas provocadas pelo Harvey


// leia também

Quarta, 18 de outubro de 2017

17:24 - Governador de Porto Rico anuncia fim do toque de recolher

16:03 - Tiroteio deixa mortos e feridos nos Estados Unidos

10:31 - Presidente chinês defende autoridade Comunista e promete avançar com reformas

10:25 - Ministra do Interior de Portugal renuncia após série de incêndios florestais no país

08:45 - Dória diz que decisão sobre Aécio foi 'serena e soberana'

Terça, 17 de outubro de 2017

17:27 - Avião do Greenpeace cai no Amazonas e mata uma pessoa

14:06 - Portugal amanhece sem focos de incêndio

13:54 - Promotoria da Luisiana decide não processar advogado brasileiro por estupro

12:46 - Aprovação do governo Trump é de 37%; reprovação chega a 57%

Segunda, 16 de outubro de 2017

21:37 - EUA questionam eleições estaduais na Venezuela


 veja mais
Cuiabá, Quarta, 18/10/2017
 
Facebook Instagram
GDEnem

Fogo Cruzado
titulo_jornal Quarta, 18/10/2017
1dfb6b6afb56dc5166ec20b57d7ab534 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Dois dos três senadores de MT votaram pela volta de Aécio Neves ao Senado




Logo_classifacil









Loja Virtual