Ex-prefeito condenado a 34 anos de prisão por estupros é preso | Gazeta Digital

Quarta, 13 de junho de 2018, 12h10

POLÍCIA

Ex-prefeito condenado a 34 anos de prisão por estupros é preso

Rayane Alves, repórter do GD


O ex-prefeito de Dom Aquino (166 km ao Sul de Cuiabá), Eduardo Zeferino, 63, condenado a 34 anos e 6 meses de prisão por estupro de vulnerável contra 5 crianças, se apresentou na 1ª Delegacia da Polícia Civil de Rondonópolis (212 km ao Sul da Capital), acompanhado de advogado na tarde desta terça-feira (12). Assim, os policiais cumpriram o mandado de prisão preventiva contra o condenado que estava foragido desde novembro de 2016.

Divulgação

O processo relativo aos estupros das vítimas, que na época dos fatos tinham idades entre 7 a 11 anos, corre em sigilo. Após ser preso, o ex-prefeito passou por audiência de custódia e foi encaminhado para a Penitenciária Major Eldo Sá Corrêa, conhecida como Mata Grande, em Rondonópolis.

O julgamento de Mário Zeferino foi presidido pela juíza  Maria Lúcia Prati, em maio de 2015. Os crimes de estupros imputados ao ex-prefeito vieram à tona em 2010. Após as denúncias, ele chegou a ser preso no ano seguinte em decorrência de mandado de prisão expedido no Tribunal de Justiça de Mato Grosso. Todas as meninas eram moradoras de Dom Aquino.

Na época da condenação, o advogado que representava o réu, Paulo Humberto Budóia, disse que iria recorrer da sentença, pois segundo ele, o acusado não teria tido direito de defesa e houve um ‘massacre judicial’ na avaliação da defesa. Atualmente, Budóia não representa mais o ex-prefeito. Sua defesa foi assumida pelo advogado Tales de Passos Almeida. O Gazeta Digital não conseguiu contato com o atual defensor de Eduardo Zeferino para comentar sobre a prisão. 

Entenda o caso

No ano de 2010 o Ministério Público do Estado (MPE) entrou com o recurso contra ele, devido ao suposto aliciamento de menores supostamente ocorrido anos antes. Eduardo foi preso 8 meses depois da denúncia.

Após a denúncia, o ex-prefeito de Dom Aquino ficou um mês preso em uma cela simples na Polinter, em Cuiabá, já que não possuía curso superior. 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Domingo, 25 de dezembro de 2016

11:09 - Ex-prefeito estuprador está foragido da Justiça

Sexta, 18 de novembro de 2016

22:19 - TJ manda prender ex-prefeito condenado por estupro de vulnerável

Terça, 26 de maio de 2015

17:30 - Ex-prefeito é condenado por estupro de crianças


// leia também

Segunda, 25 de junho de 2018

09:04 - 3 são presos por arrastão em postos de gasolina em Cuiabá

08:28 - Dono de bar é preso vendendo bebidas alcoólicas a menores de idade em MT

07:34 - Homem é assassinado com 6 tiros na cabeça dentro de casa

Domingo, 24 de junho de 2018

11:53 - Com delegacia fechada, moradores de Livramento reclamam do aumento da violência

10:16 - Polícia Ambiental apreende 32 aves que seriam vendidas ilegalmente

09:41 - Homem é assassinado em quitinete e tem boca amarrada com pano

Sábado, 23 de junho de 2018

20:01 - Ação integrada apreende 450 Kg de drogas escondidas em caminhão

10:53 - Assassino contratado para matar personal é boliviano, afirma testemunha

09:49 - Polícia Civil recupera 53 cabeças de gado e identifica 2 suspeitos

09:26 - Suspeito de 36 anos oferece celular em troca de sexo com menino de 13


 veja mais
Cuiabá, Segunda, 25/06/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Segunda, 25/06/2018
Afeda58f8fad104f8a7e7e0d17408684 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Transsexualidade deixa de ser considerada uma doença mental




Logo_classifacil









Loja Virtual