Polícia Civil prende integrante de bando que invadiu fazenda em Confresa | Gazeta Digital

Sexta, 19 de maio de 2017, 11h15

Polícia Civil prende integrante de bando que invadiu fazenda em Confresa

Redação PJC/MT


A Polícia Judiciária Civil cumpriu mandado de prisão contra um dos integrantes do bando que invadiu e manteve em cárcere privado o caseiro de uma fazenda, em Confresa, (1.160 km a Nordeste).

O suspeito, Jesus Landerson Ferreira Moreira, 30 anos, conhecido por “Kila”, teve a ordem de prisão preventiva cumprida em ação de policiais civis de Confresa e Porto Alegre do Norte, realizada na terça-feira (16).

O suspeito é mais um integrante da quadrilha que na data no dia 10 de março de 2017, invadiu uma fazenda no município. Portando armas de fogo, os criminosos mantiveram o caseiro em cárcere privado.

Na ocasião, foram formadas equipes policiais, que imediatamente se deslocaram até a fazenda. Ao chegarem, os policiais foram recebidos a tiros. Houve troca de tiros, felizmente, ninguém saiu ferido. Os policiais conseguiram resgatar o caseiro.

As investigações iniciaram para identificar os invasores. Após aproximadamente um mês, os policiais identificaram quem seriam os líderes da invasão. Diante dos levantamentos realizados pela equipe de investigadores e da identificação dos líderes, o delegado Confresa, André Rigonato, representou pela prisão preventiva dos suspeitos, sendo acatada e expedida pela Comarca de Porto Alegre do Norte.

“A Polícia Civil descobriu que suspeito estava residindo na cidade de Porto Alegre do Norte. A informação foi compartimentada com os policiais daquele município, culminando nessa prisão”, disse o delegado. “As investigações continuam para coibir de forma integrada esse tipo de crime na região, dando resposta a altura contra os autores”, completou Rigonato.

O preso foi encaminhado para a Cadeia Pública de Porto Alegre do Norte.

Outros integrantes presos

Outros dois homens acusados de liderar a invasão de terra em Confresa (1.160 km a Nordeste) foram presos pela Polícia Judiciaria Civil, no dia 5 de abril, no município. Os suspeitos, Materson Pereira Corrêa, 38, conhecido como “Neném”, e Fábio Ribeiro da Silva, 34, conhecido como “Zóinho”, tiveram mandados de prisão preventiva, decretados pela Comarca de Porto Alegro do Norte (1.125 km a Nordeste ).



Aguarde! Carregando comentários ...


// leia também

Quinta, 25 de maio de 2017

19:36 - Acusada de tortura Ledur poderá ser promovida

17:24 - Operação Bairro Seguro abrange 141 municípios com mais de 150 prisões

11:30 - PM flagra piloto em zigue-zague e o prende por embriaguez

11:20 - Preso ex-vereador com armas de fogo em cidade de MT

11:09 - Bombeiros apagam incêndio em reduto de moradores de rua

10:45 - Ladrões arrombam loja de moda masculina em área nobre de Cuiabá - Veja vídeos

10:22 - Garimpo é desativado antes de entrar em funcionamento em MT

09:50 - Mãe denuncia menor que tentou matar homem recém chegado na Capital

09:27 - Derrfva recupera 2 veículos de luxo roubados em condomínio em Cuiabá

09:18 - Forças de Segurança deflagram 5ª Operação Bairro Seguro em MT


 veja mais
Cuiabá, Quinta, 25/05/2017
 

GD Empregos

WhatsApp Twuitter
WhatsApp

Fogo Cruzado waze

titulo_jornal Quinta, 25/05/2017
2bfe5dfa7ceff93a31b5aca3dea94fda anteriores




Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

O presidente Michel Temer fez certo ao baixar decreto convocando as Forças Armadas para atuar em Brasília?



Logo_classifacil









Loja Virtual