Por compra de votos, Paulo Garcia tem candidatura impugnada no Corinthians | Gazeta Digital

Segunda, 29 de janeiro de 2018, 18h08

ESPORTE

Por compra de votos, Paulo Garcia tem candidatura impugnada no Corinthians


Estadao

O empresário Paulo Garcia teve sua candidatura à presidência do Corinthians impugnada, nesta segunda-feira, pelo presidente do Conselho Deliberativo do clube, Guilherme Strenger. Com a decisão, o pleito que ocorre no próximo sábado, terá apenas quatro candidatos, que são: Andrés Sanchez, Antônio Roque Citadini, Felipe Ezabella e Romeu Tuma Júnior. Garcia é acusado de compra de votos e pode recorrer da decisão.

Divulgação

Paulo Garcia é acusado de pagar para sócios inadimplentes regularizarem suas situações e ficarem aptos a votar na eleição para o clube

Strenger, que confirmou a impugnação ao Estado, seguiu o que a comissão eleitoral do clube sugeriu no último sábado. O órgão já havia pedido a punição ao empresário, mas ainda faltava o aval do presidente do Conselho para que a candidatura do empresário e um dos donos da Kalunga fosse suspensa.

Garcia é acusado de pagar para sócios inadimplentes regularizarem suas situações e poderem votar na eleição para o clube. Segundo ofício assinado por Miguel Marques e Silva, presidente do conselho, Paulo Garcia cometeu uma ‘grave infração eleitoral por abuso do poder econômico, vulgarmente conhecida como compra de votos‘.

Em entrevista ao Estado, na sexta-feira, Garcia negou que tenha comprado votos, mas admitiu que fez pagamentos para sócios inadimplentes antes de anunciar sua candidatura. ‘Estão me acusando de compra de votos, mas na ocasião eu nem tinha lançado minha candidatura. Eu não era candidato. No final de semana em questão, na sexta-feira, dia 1º de dezembro à noite, a diretoria do Corinthians baixou um decreto para os associados inadimplentes regularizarem suas mensalidades (R$ 400 para sócios individuais e R$ 600 para sócios familiares). O Rachid (Antônio Rachid é conselheiro vitalício do clube) me informou de toda essa situação que estava acontecendo no clube e ele próprio entrou em contato com algumas chapinhas falando que eu pagaria os inadimplentes caso alguém quisesse. Foi citado que se um dia eu viesse a ser candidato ficaria a critério de cada um em votar em mim ou não‘, disse o empresário.

Ele ainda afirmou que comunicou alguns concorrentes ao pleito do ato que havia feito. ‘No dia 2, sábado, chamei os candidatos Romeu Tuma e Roque Citadini e mostrei que estava pagando as mensalidades de alguns associados, em torno de 30, com o meu cartão e declarei no imposto de renda. Fui o primeiro a ir na Comissão Eleitoral e pedir a impugnação do direito de voto desses associados beneficiados por uma regra do clube. Não acho justo também com todos os outros sócios que pagaram suas mensalidades em dia. Por que eu estou sendo acusado de compra de votos e os outros candidatos que fazem churrasco, festas, distribuição de camisetas, não são?‘, completou.

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quarta, 23 de maio de 2018

14:42 - Carille entende tristeza da torcida, mas diz que vai embora em paz

10:11 - Após saída de Carille, Corinthians confirma Osmar Loss como novo treinador

Sábado, 19 de maio de 2018

10:30 - Carille admite; 'Não sairia por um caminhão de dinheiro, mas por dois'

Terça, 15 de maio de 2018

18:30 - Com Matheus Matias e sem Sheik, Corinthians viaja para a Venezuela

Sexta, 11 de maio de 2018

19:47 - Após confirmação da lesão de Daniel Alves, Fagner treina em campo no Corinthians

Domingo, 06 de maio de 2018

17:30 - Corinthians empata com Ceará e se distancia da liderança do Brasileiro

Sexta, 04 de maio de 2018

12:26 - Fábio Carille avisa que fará até 6 mudanças no Corinthians

Quarta, 02 de maio de 2018

09:30 - Corinthians conta com Arena para bater o Independiente na Libertadores

Terça, 24 de abril de 2018

18:00 - Trio retorna e Corinthians terá força máxima contra o Vitória pela Copa do Brasil

Sábado, 21 de abril de 2018

15:00 - Em situação financeira delicada, Corinthians ainda deve até para o técnico Tite


// leia também

Quarta, 23 de maio de 2018

14:33 - Tite promete intensidade no primeiro treino da Seleção Brasileira

10:09 - Após deixar o PSG, Unai Emery é oficializado como novo técnico do Arsenal

09:59 - Seleção feminina de vôlei vence fácil a Argentina na Liga das Nações

Terça, 22 de maio de 2018

17:30 - Luan renova com Atlético-MG até 2022; 'Meu sonho é ser campeão brasileiro'

17:30 - Bia Haddad volta a sentir dor nas costas e desiste de Roland Garros

17:25 - Willian rejeita rótulo de reserva no Palmeiras; 'Eu me sinto titular'

15:56 - Zé Roberto valoriza vitória da seleção feminina sobre rival invicto

14:59 - Pênaltis deverão ser frequentes na Copa da Rússia, prevê Taffarel

13:31 - Neymar se prepara para voltar a disputar uma partida oficial

11:41 - Com chegada de Coutinho à Granja Comary, seleção fica completa em Teresópolis


 veja mais
Cuiabá, Quarta, 23/05/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Quarta, 23/05/2018
C00a5c77f5135796e2f638a16979bea8 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Alta no preço dos combustíveis vem pesando no bolso do brasileiros




Logo_classifacil









Loja Virtual