Por compra de votos, Paulo Garcia tem candidatura impugnada no Corinthians | Gazeta Digital

Segunda, 29 de janeiro de 2018, 18h08

ESPORTE

Por compra de votos, Paulo Garcia tem candidatura impugnada no Corinthians


Estadao

O empresário Paulo Garcia teve sua candidatura à presidência do Corinthians impugnada, nesta segunda-feira, pelo presidente do Conselho Deliberativo do clube, Guilherme Strenger. Com a decisão, o pleito que ocorre no próximo sábado, terá apenas quatro candidatos, que são: Andrés Sanchez, Antônio Roque Citadini, Felipe Ezabella e Romeu Tuma Júnior. Garcia é acusado de compra de votos e pode recorrer da decisão.

Divulgação

Paulo Garcia é acusado de pagar para sócios inadimplentes regularizarem suas situações e ficarem aptos a votar na eleição para o clube

Strenger, que confirmou a impugnação ao Estado, seguiu o que a comissão eleitoral do clube sugeriu no último sábado. O órgão já havia pedido a punição ao empresário, mas ainda faltava o aval do presidente do Conselho para que a candidatura do empresário e um dos donos da Kalunga fosse suspensa.

Garcia é acusado de pagar para sócios inadimplentes regularizarem suas situações e poderem votar na eleição para o clube. Segundo ofício assinado por Miguel Marques e Silva, presidente do conselho, Paulo Garcia cometeu uma ‘grave infração eleitoral por abuso do poder econômico, vulgarmente conhecida como compra de votos‘.

Em entrevista ao Estado, na sexta-feira, Garcia negou que tenha comprado votos, mas admitiu que fez pagamentos para sócios inadimplentes antes de anunciar sua candidatura. ‘Estão me acusando de compra de votos, mas na ocasião eu nem tinha lançado minha candidatura. Eu não era candidato. No final de semana em questão, na sexta-feira, dia 1º de dezembro à noite, a diretoria do Corinthians baixou um decreto para os associados inadimplentes regularizarem suas mensalidades (R$ 400 para sócios individuais e R$ 600 para sócios familiares). O Rachid (Antônio Rachid é conselheiro vitalício do clube) me informou de toda essa situação que estava acontecendo no clube e ele próprio entrou em contato com algumas chapinhas falando que eu pagaria os inadimplentes caso alguém quisesse. Foi citado que se um dia eu viesse a ser candidato ficaria a critério de cada um em votar em mim ou não‘, disse o empresário.

Ele ainda afirmou que comunicou alguns concorrentes ao pleito do ato que havia feito. ‘No dia 2, sábado, chamei os candidatos Romeu Tuma e Roque Citadini e mostrei que estava pagando as mensalidades de alguns associados, em torno de 30, com o meu cartão e declarei no imposto de renda. Fui o primeiro a ir na Comissão Eleitoral e pedir a impugnação do direito de voto desses associados beneficiados por uma regra do clube. Não acho justo também com todos os outros sócios que pagaram suas mensalidades em dia. Por que eu estou sendo acusado de compra de votos e os outros candidatos que fazem churrasco, festas, distribuição de camisetas, não são?‘, completou.

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Segunda, 19 de fevereiro de 2018

11:06 - Corinthians oficializa contratação de Marllon e acordo de 4 anos com zagueiro

Quinta, 15 de fevereiro de 2018

14:35 - Justiça Federal do RS condena Corinthians a devolver R$ 400 milhões à Caixa

Terça, 13 de fevereiro de 2018

10:26 - Ralf volta para deixar Corinthians 'cascudo' para Libertadores

Segunda, 12 de fevereiro de 2018

16:12 - Corinthians anuncia volta do 'cão bravo' Ralf; contrato será de 2 anos

Sábado, 10 de fevereiro de 2018

09:43 - Corinthians estuda retorno de Ralf ao clube, segundo Fábio Carille

Terça, 06 de fevereiro de 2018

14:51 - Andrés vê acordo por Itaquerão como prioridade e promete gestão atrevida

Segunda, 05 de fevereiro de 2018

09:49 - Sheik celebra volta ao Corinthians e diz estar realizando sonho

Domingo, 04 de fevereiro de 2018

08:01 - Por que os torcedores do Corinthians tentaram agredir o Andrés Sanchez

Sexta, 02 de fevereiro de 2018

14:56 - Emocionado, Roberto de Andrade diz que sai realizado e defende seu trabalho

Quarta, 31 de janeiro de 2018

08:41 - Candidato, Andrés diz que 'falar que o Corinthians está quebrado é balela'


// leia também

Domingo, 18 de fevereiro de 2018

14:30 - Dupla brasileira fecha primeiro dia do bobsled em 27º lugar nos Jogos de Inverno

08:54 - Brasileiro erra trajeto e é eliminado no esqui alpino nos Jogos de Inverno

Sábado, 17 de fevereiro de 2018

16:00 - Marquinhos Gabriel machuca joelho e deixa treino do Corinthians de maca

15:30 - Botafogo confirma acerto com o lateral-esquerdo Moisés, do Corinthians

10:19 - Bêbados, jogadores de clube inglês furtam táxi em Barcelona

09:56 - Norueguesa vence no esqui cross-country e iguala recorde olímpico de medalhas

Sexta, 16 de fevereiro de 2018

17:50 - Fla firma acordo com Botafogo e jogará no Engenhão na estreia da Libertadores

11:36 - Emery diz estar convencido de que PSG eliminará o Real na Liga dos Campeões

09:30 - Tênis de Mesa de MT terá estadual e nacional em 2018

09:23 - Filha de ex-Palmeiras estava na escola que aconteceu o massacre na Flórida


 veja mais
Cuiabá, Segunda, 19/02/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Segunda, 19/02/2018
Dd6fa8cdd5651354f34e2d8507b62f0f anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Mais uma operação policial tem como alvo deputados estaduais




Logo_classifacil









Loja Virtual