Greve derruba venda de televisões para a Copa do Mundo | Gazeta Digital

Quinta, 14 de junho de 2018, 09h19

Queda nas vendas

Greve derruba venda de televisões para a Copa do Mundo


R7

Às vésperas da estreia do Brasil na Copa do Mundo, o comércio aposta todas as fichas no bom desempenho da seleção nos jogos da primeira fase do torneio para tentar reverter totalmente a queda que houve nas vendas de TVs por causa da greve dos caminhoneiros.

Com a paralisação e a mudança no humor do consumidor, pressionado pelo desemprego elevado e pelo endividamento, o varejo deixou de vender cerca R$ 245 milhões em TVs entre o Dia das Mães e a primeira semana da greve, iniciada no dia 21 de maio, aponta um estudo da consultoria GFK, que monitora as vendas online e nas lojas físicas.

João Vieira/Arquivo

Os cálculos foram feitos comparando as vendas realizadas nesse período deste ano com as de 2014, quando houve Copa.

"Analisamos a tendência de venda de TVs em anos de Copa e notamos crescimento nos períodos mais próximos do início do evento", diz a diretora da consultoria, Gisela Pougy. O pico de vendas de TVs para Copa geralmente ocorre na segunda quinzena de maio. Neste ano, a terceira semana de maio coincidiu com a primeira semana de greve e as vendas de TVs recuaram 24% em comparação com a semana anterior, mostra o estudo. Na última semana de maio, que foi a segunda de greve, houve um avanço de 18% no faturamento com TVs ante o período imediatamente anterior. Apesar da reação, as perdas não foram totalmente cobertas.

"Tem muito estoque de TVs e o maior volume está no varejo", afirma José Jorge do Nascimento Jr., presidente da Eletros, associação que reúne a indústria. Só no primeiro trimestre, as vendas de TVs da indústria para o comércio cresceram 46,5% em unidades em comparação com igual período de 2017. Foram entregues 3,7 milhões de aparelhos. Para o ano, a perspectiva inicial era produzir 12,5 milhões de TVs, um pouco acima do ano passado (11,3 milhões), mas muito abaixo de 2014, quando houve Copa e foram fabricados 14,9 milhões de TVs. "Projetamos 12,5 milhões de TVs para este ano, mas o viés é de baixa", admite o presidente da Eletros.

Paulo Naliato, diretor da Via Varejo, dona das redes Ponto Frio e Casas Bahia, diz, por meio de nota, que "as vendas estão dentro da expectativa da companhia". A rede Extra informa, também por meio de nota, que definiu uma meta elevada para o período e, até o momento, as vendas de TVs estão acima das expectativas.

No entanto, segundo fontes do mercado varejista, até o momento as vendas de TVs por conta da Copa estão bem abaixo das expectativas. "O volume de vendas é hoje entre 30% e 40% da meta", diz o executivo de uma grande rede que prefere o anonimato. O fraco desempenho até o momento ocorre por causa da greve dos caminhoneiros que tirou o impulso do consumidor para as compras, que já não era tão forte devido ao endividamento e ao desemprego elevados.

Apesar de torcer para que o mercado "vire" com o bom desempenho da seleção nessa primeira fase do campeonato, o executivo não acredita que essa recuperação nas vendas seja factível. Esse prognóstico é contrário ao da diretora da GFK. "A venda deve se recuperar com o fim da greve e a demanda natural da Copa", diz Gisela.

Liquidação

Se as vendas não se recuperarem totalmente nos próximos dias, aumentam as chances de o varejo começar a liquidar TVs nas próximas semanas. Com isso, o preço das TVs que já caiu 12,07% neste ano até maio, segundo o IBGE, pode recuar ainda mais.

 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quinta, 21 de junho de 2018

10:28 - Tite escolhe Thiago Silva como capitão do Brasil contra a Costa Rica

10:23 - Com uso do VAR, Austrália faz gol de pênalti e empata com a Dinamarca

Quarta, 20 de junho de 2018

16:04 - Espanha sofre, mas bate Irã e divide liderança de grupo com Portugal

15:10 - Neymar treina normalmente e viaja com a seleção para encarar a Costa Rica

11:33 - Ministro do Esporte - assédio a mulher na Copa da Rússia envergonhou Brasil

10:10 - Cristiano Ronaldo marca de novo e Portugal vence Marrocos por 1 a 0

Terça, 19 de junho de 2018

20:00 - Vitória do Japão é primeira de asiáticos sobre sul-americanos em copas

15:59 - Rússia vence Egito de Mo Salah por 3 a 1 e fica perto da vaga na Copa

13:51 - Senegal aproveita erro da Polônia e vence na estreia por 2x1

11:11 - Neymar sai mancando de treino da seleção brasileira em Sochi


// leia também

Quinta, 21 de junho de 2018

10:13 - INSS - saiba quando vale a pena entrar na Justiça contra Previdência

10:08 - Governo já recebeu 2.400 queixas por desrespeito à tabela do frete

07:48 - Empresas criam mais de duas mil vagas de empregos em maio

07:41 - Por melhorias, greve dos bancários não está descartada

Quarta, 20 de junho de 2018

19:00 - Dólar sobe 1% depois de altas e baixas durante o dia

16:21 - 33 mil novos empregos formais foram criados em abril

14:23 - Tabela de frete gera prejuízo de R$10 bi a setores de soja e milho

12:30 - Não está claro se Brasil conseguirá nos substituir na soja para China, diz Ross

09:04 - Empresas retomam transporte de carga em meio a frete indefinido

08:59 - INSS - saiba quando é possível pedir a aposentadoria por idade


 veja mais
Cuiabá, Quinta, 21/06/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Quinta, 21/06/2018
993364e9a9f5ce444d02868cc0a18565 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Deputados que faltarem às sessões terão o salário cortado




Logo_classifacil









Loja Virtual