Dólar tem maior alta em mais de 18 anos e encosta em R$ 3,40 | Gazeta Digital

Quinta, 18 de maio de 2017, 17h34

após denúncias contra Temer

Dólar tem maior alta em mais de 18 anos e encosta em R$ 3,40


R7

O dólar encerrou esta quinta-feira (18) com a maior alta em mais de 18 anos, acima de 8% e aproximando-se do patamar de R$ 3,40, depois de denúncias envolvendo o presidente Michel Temer que alimentaram percepções de que as reformas serão afetadas e, consequentemente, a recuperação da economia.

O dólar avançou 8,15%, a R$ 3,3890 na venda, maior alta desde o início de 1999, quando houve a maxidesvalorização do câmbio. O salto do dia acabou varrendo a baixa do dólar acumulada no ano até a véspera, de 3,45%.

Na máxima do dia, o dólar foi a R$ 3,44, mas num pregão que teve como característica o baixo volume por conta dos temores dos investidores. O dólar futuro subia cerca de 8%, a R$ 3,40 no final da tarde, depois de ter atingido mais cedo a máxima para o pregão, a R$ 3,4175.

Bovespa desaba quase 9% e tem primeiro circuit breaker em quase nove anos

"Tudo o que está ruim ainda pode piorar, é incerteza absoluta", afirmou o gerente de tesouraria do Bank of China, Jayro Rezende.

O nervosismo pairou desde a abertura, tanto que os investidores evitaram tomar posições e o mercado à vista demorou a ter negócios. Diante disso, o Banco Central fez várias intervenções.

Na noite passada, o jornal O Globo noticiou que Joesley Batista, um dos controladores do frigorífico JBS, gravou Temer concordando com pagamentos para manter o silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha, que está preso.

Assim que a notícia chegou ao Congresso, a oposição não perdeu tempo para pedir o impeachment de Temer. Especialistas afirmaram que o governo foi fortemente abalado e, assim, as reformas consideradas essenciais, sobretudo a da Previdência, para recuperar a economia serão afetadas.

Diante da forte turbulência na cena política brasileira — que afetou até ativos no exterior, como os Treasuries norte-americanos —, o Tesouro Nacional e o BC atuaram.

O BC fez vendeu, por meio de leilões, 80 mil novos swaps cambiais tradicionais, equivalentes à venda futura de dólares, além de outros 8.000 papéis para a rolagem dos swaps que vencem em junho, no total de US$ 4,435 bilhões.

Além dos leilões de swap pelo BC, o Tesouro suspendeu o leilão de venda de LTN e LFT programado para esta sessão e anunciou três novos leilões de compra e venda de títulos para os próxiimos dias.

Em setembro de 2015, BC e Tesouro atuaram conjuntamente para conter a forte volatilidade nos mercados financeiros, parceria adotada novamente no fim de 2016 após a eleição do presidente norte-americano Donald Trump.

Nas últimas semanas, os mercados financeiros estavam vivendo uma espécie de lua-de-mel com o governo Temer, apostando que ele conseguiria angariar votos suficientes para aprovar as reformas no Congresso Nacional. O dólar, nesta semana, chegou a fechar abaixo do patamar de R$ 3,10.

Além disso, a economia vinha dando alguns sinais de recuperação, depois de dois anos seguidos de forte recessão. A inflação também vinha perdendo fôlego e possibilitando que o BC fizesse reduções importantes na taxa básica de juros, o que tem potencial para estimular o consumo.

 



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Sexta, 26 de maio de 2017

16:39 - Dólar tem leve queda ante real e termina a semana cotado a R$ 3,26

Quinta, 25 de maio de 2017

17:20 - Queda do petróleo reduz apetite por risco e dólar sobe 0,07%

Quarta, 24 de maio de 2017

17:30 - Protestos ofuscam pressão baixista do Fed e ajudam dólar a subir 0,45%

Segunda, 22 de maio de 2017

16:32 - Dólar sobe e encosta em R$ 3,28 com temor sobre cena política

Sexta, 19 de maio de 2017

16:58 - Dólar cai quase 4% e volta a R$ 3,25

09:54 - Após dia histórico no mercado, dólar abre em queda e Bolsa tem leve alta

Sexta, 12 de maio de 2017

10:16 - Dólar abre com viés de alta realizando ganhos, mas passa a cair com exterior

Sexta, 05 de maio de 2017

10:57 - Dólar abre em leve alta antes de payroll e discurso de Yellen

Quinta, 04 de maio de 2017

11:31 - Dólar avança com dúvidas sobre Previdência e exterior

Quarta, 03 de maio de 2017

16:32 - Dólar volta a subir, mas se mantém cotado a R$ 3,15


// leia também

Segunda, 29 de maio de 2017

14:57 - Feirão da casa própria da Caixa termina com R$ 10,2 bi em negócios

14:33 - Brasileiros já pagaram este ano R$ 900 bilhões de impostos e taxas

11:48 - Para atrair cliente, incorporadora paga condomínio e até conta de luz

11:47 - Entre os mais pobres, 27% não têm acesso a crédito no País

08:29 - Em colapso, indústria naval já demitiu quase 50 mil e tem dívida bilionária

08:25 - Após cair 11 vezes, projeção de inflação para 2017 volta a subir

Domingo, 28 de maio de 2017

11:45 - Mais de 60% dos brasileiros não possuem reserva financeira, aponta pesquisa

10:47 - Petrobras faz revisão em patrocínio esportivo e reduz apoio este ano

Sábado, 27 de maio de 2017

14:10 - Petrobras abre inscrições para programa de estágio

14:07 - Campanha de vacinação contra febre aftosa termina na quarta-feira


 veja mais
Cuiabá, Terça, 30/05/2017
 

GD Empregos

WhatsApp Twuitter
WhatsApp

Fogo Cruzado waze

titulo_jornal Terça, 30/05/2017
Fe9ca0ce9e105fd40f8300de3ceeb433 anteriores




Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Na sua opinião, as novas gerações estão menos preocupadas com a ameaça da Aids?



Logo_classifacil









Loja Virtual