Programa estreia expondo corrupção em MT | Gazeta Digital

Terça, 18 de abril de 2017, 10h22

TV RECORD

Programa estreia expondo corrupção em MT

Keka Werneck, repórter do GD


Chico Ferreira

Programa vai ao ar de segunda à sexta, das 6h15 às 7h30, na TV Record

Corrupção foi o tema escolhido para a abertura do programa "A Notícia de Frente", que estreou nesta terça-feira (18), na TV Record, das 6h15 às 07h30, com a participação de jornalistas do Grupo Gazeta e de telespectadores.

Os apresentadores Antero Paes de Barros, Edivaldo Ribeiro e Lúcio Sorge trataram sobre o assunto corrupção em nível nacional e local, interligando as denúncias com os fatos do dia a dia.

Citaram a Operação Lava Jato, que, nesta fase das investigações e dos andamentos processuais, expõe o nome do ex-governador e atual ministro da Agricultura Blairo Maggi (PP).

O programa destacou a delação de João Antônio Pacífico Ferreira, empresário da Odebrecht, em que confirma pagamento de propinas na ordem de R$ 990 mil a agentes públicos de Mato Grosso na ocasião do então governo de Maggi entre 2006 e 2007. Foram beneficiados, conforme o delator, o ex-secretário de Fazenda, Edmilson José dos Santos, à época secretário adjunto do Tesouro Estadual, cujo condinome era "cofrinho", o ex-procurador-geral do Estado, João Virgílio Nascimento Sobrinho, "Careca", e o procurador aposentado Francisco Gomes de Andrade Lima Filho, o “Chico Lima”, chamado pelo esquema de "Manhoso".

Divulgação

Maggi é citado na Lava Jato

"Secretário de Fazenda, antes, era para cuidar de dinheiro público, impedir o roubo, agora isso mudou, é a suprema desmoralização desse cargo", criticou Antero.

Na conversa dos apresentadores, Éder Moraes e o ex-secretário Luiz Pagot também foram citados como interlocutores de negociações escusas com dinheiro público.

Sorge lembrou ainda que a juíza da Sétima Vara Criminal de Cuiabá, Selma Rosane, que conduz os processos decorrentes da Operação Sodoma, já havia recomendado que se apure os fatos anteriores à gestão do ex-governador Silval Barbosa (PMDB), que sucedeu Maggi.

Chico Ferreira/A Gazeta

Lista de Riva tem 33 nomes

Silval está preso no Centro de Custódia de Cuiabá, há mais de 1 ano e meio, acusado de corrupção e formação de quadrilha.

No esquema revelado pelo empresário José Antônio, o que o programa deixou claro é que se trata da utilização do Estado para beneficiar empresa, no caso a Odebrecht.

Outro assunto tratado na estréia do programa "A Notícia Frente" foi a lista do ex-deputado José Riva (sem partido), que "entregou", no Judiciário, 33 deputados e ex-deputados além de pessoas de renome, nas investigações de "roubo" ao erário da Assembleia Legislativa de Mato Grosso.

Também foram citados o advogado Francisco Faiad, ex-secretário de Silval, e outros nove denunciados por corrupção.

Sorge condenou o problema do caixa 2, no país, dinheiro clandestino utilizado para campanhas eleitorais e avisou que, mesmo em caso de caixa 1, ou seja, apoios legais, quem financia eleição sempre tem interesses futuros com aquele governo que ajudou a eleger.


Maggi é linkado a Éder e Pagot

Sobre o VLT, modal problemático que deveria ter ficado pronto para a Copa do Mundo em 2014 e até hoje é uma "herança maldita" para Cuiabá e Várzea Grande, os apresentadores levantaram a questão do novo acordo de R$ 900 milhões feito entre Governo do Estado e o consórcio empresarial responsável pelo empreendimento. O questionamento é se esse valor devia mesmo ser pago, mesmo contrariando o que apontou a CPI do VLT, ou não.

Neste contexto de corrupção generalizada, muitos casos sendo conduzidos no Judiciário e a imprensa noticiando na rotina casos de afronta ao erário, o comentário foi o de que o eleitor fica sem saber em quem votar na próxima eleição.

Antero ressaltou que teme uma chegada eleitoral forte de um candidato como Jair Bolsonaro (PSC), da extrema direita conservadora, e outros falsos heróis, que não seriam saudáveis à democracia na visão dele.

João Vieira

Silval é lembrando como líder da Sodoma

Telespectadores já aproveitaram a estreia para participar do programa mandando e-mail (anoticiadefrente@gazetadigital.com.br) e mensagens pelo Whatsapp (65 - 99987-2151).

No programa de estreia, Edivaldo Ribeiro convidou os telespectadores a participarem sempre, abrilhantando os debates.

Diretor de Jornalismo da TV Record em Mato Grosso, David Cézar, avalia que o programa estreou bem e tudo saiu dentro do esperado. Destaca como momentos importantes as entradas dos jornalistas do Grupo Gazeta, Michely Figueiredo, apresentadora da Rádio CBN, e Glácio Nogueira, repórter de política do jornal A Gazeta. Agradeceu também a participação de telespectadores, que dinamizam os debates.

O programa "A Notícia de Frente" vai ao ar pela TV Record, das 6h15 às 7h30, todas as manhãs, de segunda à sexta-feira, com transmissão para todo o Estado de Mato Grosso.



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Terça, 23 de maio de 2017

10:00 - Jornal A Gazeta completa 27 anos e 9.217 edições

Segunda, 17 de abril de 2017

11:15 - Nosso obrigado a todos que 'adoçaram' o GD

Domingo, 16 de abril de 2017

07:38 - Programa 'A Notícia de Frente' estreia na próxima terça-feira na TV Record Cuiabá

Sábado, 11 de março de 2017

07:40 - Gazeta FM promove shows com Bloco Pirraça


// leia também

Terça, 27 de junho de 2017

10:33 - Garoto pula no vestido da noiva e rouba cena

10:30 - Mulher apanha após usar palavreado racista

Segunda, 26 de junho de 2017

17:48 - Capivaras param o trânsito em Cuiabá

10:55 - Homem transforma parede em arte

10:45 - Repórter quase é atropelado ao dar notícia

10:37 - Como fazer fogo com apenas um limão

Domingo, 25 de junho de 2017

13:57 - Turismo e cultura de MT são destaque na Brasil Central Week, em Brasília

Sábado, 24 de junho de 2017

09:00 - Projeto leva show com Flávio Venturini, Orquestra Sinfônica e atrações infantis

Sexta, 23 de junho de 2017

12:35 - Bandido se esconde em carrinho de bebê

11:31 - Cacerense loira dos olhos claros é Miss MT 2017


 ver todas as notícias
Cuiabá, Quarta, 28/06/2017
 

GD Empregos

WhatsApp Twuitter
WhatsApp

Fogo Cruzado
titulo_jornal Quarta, 28/06/2017
709682c66590260fb3edf747d9f8deb8 anteriores




Indicadores Econômicos

Indicadores Agropecuário

Mais Lidas Enquete

Profissionais de saúde devem ser obrigados a registrarem nos prontuários de atendimento médico os indícios de violência contra a mulher?




waze

Logo_classifacil









Loja Virtual