Governo concede 90 dias de licença-prêmio a ex-secretário condenado | Gazeta Digital

Quarta, 10 de janeiro de 2018, 17h33

Política de MT

Governo concede 90 dias de licença-prêmio a ex-secretário condenado

Karine Miranda, repórter do GD


O Governo de Mato Grosso concedeu licença-prêmio ao ex-secretário de Fazenda e servidor público de carreira, Marcel de Cursi, pelo prazo de 90 dias. Cursi foi condenado a 12 anos de prisão por fazer parte da organização criminosa comandada pelo ex-governador Silval Barbosa (sem partido).

A concessão da licença-prêmio foi publicada no Diário Oficial que circulou no último dia 3, com data retroativa ao dia 27 de novembro e vigência até o dia 24 de fevereiro. O beneficio foi autorizado pela secretária-adjunta de Administração Fazendária, Patricia Costa Vieira de Camargo Saldanha, e é concedido aos servidores de carreira que trabalharam por cinco anos seguidos.

João Vieira

Governo concede 90 dias de licença-prêmio a ex-secretário condenado a 12 anos de prisão

Cursi é fiscal de tributos da Fazenda e obteve o direito por trabalhar ininterruptamente entres os anos de 2005 a 2010. Ele já obteve o mesmo direito ainda no ano passado, por ter trabalhado dos anos de 2000 a 2005.

Durante a licença, Cursi continua recebendo o salário de aproximadamente R$ 28 mil, apesar de já estar afastado do cargo desde 2015, quando foi preso durante a 1ª fase da Operação Sodoma, que apurou esquema de corrupção e lavagem de dinheiro por meio de desvio de verbas públicas.

O esquema envolvia a concessão de incentivos fiscais irregulares através do Programa de Desenvolvimento Industrial, Econômico e Comercial de Mato Grosso (Prodeic). Já em 2016, ele teve nova prisão decretada durante a 4ª fase da operação Sodoma, que apurou desvio de verba pública na desapropriação milionária de um terreno paga pelo Governo do Estado.

Cursi foi solto em julho de 2017, após ficar por quase 2 anos no Centro de Custódia de Cuiabá (CCC). Nesse período, ele continuou recebendo o salário, porém o valor foi reduzido em um terço. Apesar da liberdade, o ex-secretário continuou afastado do cargo devido a um processo administrativo disciplinar instaurado em decorrência das prisões.

Leia mais - Tribunal manda soltar Cursi após quase 2 anos

Condenação – Em dezembro passado, Cursi foi condenado pelos crimes de organização criminosa e concussão na ação penal decorrente da 1ª fase da operação Sodoma. A decisão foi proferida pela juíza Selma Rosane Santos Arruda, da 7ª Vara Criminal.

Leia mais - Marcel de Cursi é condenado a perda do cargo e 12 anos de prisão

A sentença foi de 12 anos e 1 mês de reclusão em regime fechado e pagamento de R$ 172,7 mil em multas, além da perda da função, cuja sentença vale até mesmo para eventual reintegração ao serviço público. Apesar da condenação para o regime fechado, Marcel ainda continua em liberdade.
 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Segunda, 03 de julho de 2017

18:42 - Pedro Nadaf não é o Joesley Bastista de MT, defende advogado

Quinta, 22 de junho de 2017

17:08 - STJ permite que Selma Arruda julgue processos contra Cursi

Terça, 16 de maio de 2017

11:42 - Réus começam a ser ouvidos nesta terça-feira

09:56 - Juiz se declara impedido e condução da Sodoma ainda é mistério

Terça, 02 de maio de 2017

09:45 - Silval Barbosa vai contar tudo mas em Brasília

Sábado, 29 de abril de 2017

10:44 - PGR assina delações de Riva e Silval na próxima semana

Quinta, 16 de fevereiro de 2017

14:49 - Delação revela propina de R$ 5 milhões

Quinta, 17 de novembro de 2016

11:40 - Globo cita delação de Silval; defesa nega

Quinta, 10 de novembro de 2016

11:18 - Ex da Metamat comprava ouro da propina - Veja depoimento

Terça, 25 de outubro de 2016

20:10 - Cursi devolve a Nadaf acusação de propina


// leia também

Segunda, 22 de janeiro de 2018

11:45 - Taques não acredita que poderá ser 'traído' pelo vice Carlos Fávaro

09:01 - TCE aponta danos de R$ 2,6 milhões aos cofres em Santo Antônio do Leverger

Domingo, 21 de janeiro de 2018

10:32 - Desafio de Taques é reconstruir base e vencer eleição no 1º turno, diz Wilson

Sábado, 20 de janeiro de 2018

15:30 - Presidente do TJ nega complacência com Taques

13:45 - Baracat e Jayme deixam secretariado de Várzea Grande

12:30 - Fávaro quer disputar governo e conversa com oposição, revela Fagundes

08:30 - Wilson nega indicação ao TCE e afirma que vai à reeleição

08:07 - Preso em casa, ex-governador Silval faz faculdade de Teologia - veja vídeo

Sexta, 19 de janeiro de 2018

16:20 - Marrafon diz que conversa com Percival sobre filiação no PPS

12:06 - Prefeito sanciona 13º de vereadores


 veja mais
Cuiabá, Terça, 23/01/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Terça, 23/01/2018
Ee7bba5599143b6808c910b7421e152b anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Algum novato, de fora da política, pode surpreender nas eleições para presidente da República?




Logo_classifacil









Loja Virtual