Emanuel vai pagar R$ 57 milhões de dívidas deixadas por Mendes | Gazeta Digital

Quarta, 17 de maio de 2017, 11h46

de forma parcelada

Emanuel vai pagar R$ 57 milhões de dívidas deixadas por Mendes

Bruno Vicente, redação Secom/Cuiabá


O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, assinou nesta quarta-feira (17) o decreto de número 6.272, que trata da criação de um cronograma de pagamento dos restos a pagar processados, relativos aos exercícios de 2012 a 2016, e devidamente reconhecido pela administração direta e indireta do Município. O documento cumpre com o compromisso da atual gestão de dar transparência às ações administrativas que tramitam no Palácio Alencastro.

Marcos Vergueiro

Conforme o decreto, dos R$ 57.828.944,41 de restos a pagar existentes, a nova administração já conseguiu quitar o equivalente a 17.772.484,41.

Segundo o prefeito, a norma não só defende a clareza nos atos da Prefeitura de Cuiabá, como também supre a necessidade de garantir um ambiente de segurança, credibilidade e de estabilidade financeira para o desenvolvimento da economia do município. Para ele, a medida ainda assegura a supremacia do interesse público sobre o interesse privado.

“Esse é um dos meus compromissos com a população cuiabana. Além de uma gestão humanizada e inclusa, vamos garantir também a transparência em todas nossas ações. Queremos transformar a Cuiabá dos 300 anos em um lugar melhor para se viver e isso vem acompanhado de uma administração que zela pelo bem público e pelo dinheiro do contribuinte”, comentou.

A determinação assinada por Emanuel estabelece que os restos a pagar processados são aqueles valores que resultem de obrigações empenhadas e liquidadas nos exercícios anteriores, e que foram confirmadas e reconhecidas por cada gestor da unidade administrativa. Enquadram-se nesse perfil os credores por execução de serviço, fornecimento de bens e de obras públicas.

O pagamento das obrigações ficará a cargo da Secretaria Municipal de Fazenda, que trabalhará de acordo com seguinte cronograma: (I) restos a pagar processados de valor até R$ 100 mil, pagamento até 14 de junho; (II) restos a pagar processados de valor maior que R$ 100 mil, pagamento até 14 de julho; (III) restos a pagar processados de valor maior que R$ 150 mil, pagamento até 15 de agosto; (IV) restos a pagar processados de valor maior que R$ 200 mil, pagamento até 15 de setembro; (V) restos a pagar processados de valor maior que R$ 300 mil, pagamento até 13 de outubro; (VI) restos a pagar processados de valor maior que R$ 500 mil, pagamento a partir de 14 de novembro.

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Sexta, 21 de julho de 2017

18:22 - Juiz mantém contrato de R$ 748 milhões do Consórcio Cuiabá Luz

Quinta, 13 de julho de 2017

09:13 - Atrasada, reforma na Alencastro 'vira' novela

Terça, 30 de maio de 2017

09:11 - Saúde oferece terapias, reiki e yoga em Cuiabá; confira lista de atividades

Segunda, 29 de maio de 2017

15:58 - Prefeitura de Cuiabá paga folha salarial e RGA integral no dia 31

Quarta, 17 de maio de 2017

18:00 - Emanuel faz 'checklist' da proposta de empresa

Terça, 16 de maio de 2017

10:38 - Emanuel afirma que Capital não será laboratório

Sexta, 12 de maio de 2017

16:11 - Cuiabá recebe nota máxima por gestão transparente; vizinha VG obteve 2,08

Terça, 02 de maio de 2017

16:11 - Prefeitura abre inscrições ao programa Brasil Alfabetizado

Sexta, 28 de abril de 2017

17:53 - Prefeitura inicia obras de recapeamento da avenida Fernando Corrêa

Terça, 25 de abril de 2017

11:41 - Servidores de Cuiabá receberão salários nesta quinta-feira


// leia também

Sexta, 18 de agosto de 2017

15:42 - OAB quer 'devassa' em todo processo de interceptação telefônica

14:56 - Presidente da Caixa defende retomada do VLT em Cuiabá e VG

11:21 - 'Não sou prioridade no grupo de Taques', diz Medeiros

10:30 - Leitão é contra distritão e criação do fundo partidário

10:08 - Vereadores querem direito a 13º salário; TCE rejeita consulta

09:53 - PTB quer Antônio Joaquim para disputar o governo do Estado

Quinta, 17 de agosto de 2017

22:03 - Acordo evita fechamento de hospitais filantrópicos

15:30 - Prefeito em exercício pede ao ministro da Saúde aumento de repasse ao Pronto Socorro

15:08 - Deputados são proibidos de controlar gastos com passagens e combustível

12:45 - Após reunião com governo, Assembleia destrava PEC do Teto


 veja mais
Cuiabá, Sábado, 19/08/2017
 

Sebrae

Facebook Instagram
GDEnem

Fogo Cruzado
titulo_jornal Sábado, 19/08/2017
44700daf2f1bf6eec9a853777d174124 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

O prefeito de Cuiabá suspendeu, pela segunda vez, as multas de trânsito aplicadas por meio de videomonitoramento.




Logo_classifacil









Loja Virtual