Emanuel vai pagar R$ 57 milhões de dívidas deixadas por Mendes | Gazeta Digital

Quarta, 17 de maio de 2017, 11h46

de forma parcelada

Emanuel vai pagar R$ 57 milhões de dívidas deixadas por Mendes

Bruno Vicente, redação Secom/Cuiabá


O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, assinou nesta quarta-feira (17) o decreto de número 6.272, que trata da criação de um cronograma de pagamento dos restos a pagar processados, relativos aos exercícios de 2012 a 2016, e devidamente reconhecido pela administração direta e indireta do Município. O documento cumpre com o compromisso da atual gestão de dar transparência às ações administrativas que tramitam no Palácio Alencastro.

Marcos Vergueiro

Conforme o decreto, dos R$ 57.828.944,41 de restos a pagar existentes, a nova administração já conseguiu quitar o equivalente a 17.772.484,41.

Segundo o prefeito, a norma não só defende a clareza nos atos da Prefeitura de Cuiabá, como também supre a necessidade de garantir um ambiente de segurança, credibilidade e de estabilidade financeira para o desenvolvimento da economia do município. Para ele, a medida ainda assegura a supremacia do interesse público sobre o interesse privado.

“Esse é um dos meus compromissos com a população cuiabana. Além de uma gestão humanizada e inclusa, vamos garantir também a transparência em todas nossas ações. Queremos transformar a Cuiabá dos 300 anos em um lugar melhor para se viver e isso vem acompanhado de uma administração que zela pelo bem público e pelo dinheiro do contribuinte”, comentou.

A determinação assinada por Emanuel estabelece que os restos a pagar processados são aqueles valores que resultem de obrigações empenhadas e liquidadas nos exercícios anteriores, e que foram confirmadas e reconhecidas por cada gestor da unidade administrativa. Enquadram-se nesse perfil os credores por execução de serviço, fornecimento de bens e de obras públicas.

O pagamento das obrigações ficará a cargo da Secretaria Municipal de Fazenda, que trabalhará de acordo com seguinte cronograma: (I) restos a pagar processados de valor até R$ 100 mil, pagamento até 14 de junho; (II) restos a pagar processados de valor maior que R$ 100 mil, pagamento até 14 de julho; (III) restos a pagar processados de valor maior que R$ 150 mil, pagamento até 15 de agosto; (IV) restos a pagar processados de valor maior que R$ 200 mil, pagamento até 15 de setembro; (V) restos a pagar processados de valor maior que R$ 300 mil, pagamento até 13 de outubro; (VI) restos a pagar processados de valor maior que R$ 500 mil, pagamento a partir de 14 de novembro.



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quarta, 17 de maio de 2017

18:00 - Emanuel faz 'checklist' da proposta de empresa

Terça, 16 de maio de 2017

10:38 - Emanuel afirma que Capital não será laboratório

Sexta, 12 de maio de 2017

16:11 - Cuiabá recebe nota máxima por gestão transparente; vizinha VG obteve 2,08

Terça, 02 de maio de 2017

16:11 - Prefeitura abre inscrições ao programa Brasil Alfabetizado

Sexta, 28 de abril de 2017

17:53 - Prefeitura inicia obras de recapeamento da avenida Fernando Corrêa

Terça, 25 de abril de 2017

11:41 - Servidores de Cuiabá receberão salários nesta quinta-feira

Segunda, 24 de abril de 2017

15:33 - Emanuel oficializa separação de Secretarias

Terça, 18 de abril de 2017

09:41 - Emanuel envia projeto para separar secretarias de Governo e Comunicação

08:58 - Emanuel anuncia nova mudança no staff

Segunda, 17 de abril de 2017

09:50 - Prefeitura da Capital garante RGA a servidores


// leia também

Terça, 23 de maio de 2017

16:20 - Vereadores aprovam emenda 'ganham' verba orçamentária

11:59 - Políticos de MT receberam propinas disfarçadas de doações, diz executivo da JBS

Segunda, 22 de maio de 2017

18:50 - Fórum Sindical ameaça greve após governo fechar folha sem incluir RGA

17:51 - ALMT, Senado e Dnit autorizam obras na BR-174

16:55 - Instituições terão que denunciar casos de maus-tratos a idosos

Domingo, 21 de maio de 2017

13:00 - Projeto autoriza a circulação de táxis e moto-táxis nas faixas de ônibus

12:12 - Sindicatos de MT se articulam para participar do "Ocupa Brasília"

11:29 - Disputa no TRE preocupa magistrados em MT

08:58 - Deputados apoiam reforma política proposta pelo TRE

Sexta, 19 de maio de 2017

18:33 - Governo do Estado paga 7,69% de reajuste aos profissionais da Educação


 veja mais
Cuiabá, Quarta, 24/05/2017
 

GD Empregos

WhatsApp Twuitter
WhatsApp

Fogo Cruzado waze

titulo_jornal Quarta, 24/05/2017
7b718983308988510a4d6943f71dd371 anteriores




Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Na sua opinião, o Brasil é uma nação corrupta?



Logo_classifacil









Loja Virtual