Réus começam a ser ouvidos nesta terça-feira | Gazeta Digital

Terça, 16 de maio de 2017, 11h42

FRAUDE EM DESAPROPRIAÇÃO

Réus começam a ser ouvidos nesta terça-feira

Celly Silva, repórter do GD


Está previsto para a tarde desta terça-feira (16) o início das oitivas dos réus e delatores da ação penal decorrente da operação Sodoma 4, que apura fraude de R$ 15 milhões na desapropriação do bairro Jardim Liberdade, em Cuiabá, ocorrida em 2014.

Chico Ferreira/João Vieira/Otmar de Oliveira

Afonso Dalberto, Silval Barbosa, Valdir Piran e Alan Malouf 

Conforme consta nos autos, o ex-presidente do Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat), Afonso Dalberto,que também é delator, deve ser o primeiro a ser ouvido. Ele é apontado como o responsável pela provação do processo de desapropriação do imóvel e também teria recebido propina para isso.

Além dele, o empresário Antônio Rodrigues Carvalho, dono da Santorini Empreendimentos Imobiliários, antiga dona do terreno, também será interrogado perante o Juízo. A empresa teria recebido mais de R$ 31 milhões pela desapropriação, no entanto, teria retornado metade do valor a título de propina por meio da SF Assessoria e Organização de Eventos, empresa de fachada criada pelo delator Filinto Muller para lavar o dinheiro desviado dos cofres públicos.

Na quarta-feira (17), estão previstos depoimentos do ex-presidente da Companhia Mato-grossense de Mineração (Metamat), João Justino Paes de Barros, acusado de lavar dinheiro para o ex-secretário de Estado de Fazenda Marcel de Cursi por meio da compra de ouro com dinheiro de propina e também o ex-secretário da Casa Civil, Pedro Nadaf, que é delator e réu no caso.

A oitiva mais aguardada, a do ex-governador Silva Barbosa (PMDB), será na quinta-feira (18), já com a presença de seu novo advogado Délio Lins e Silva, que irá acompanhá-lo em sua nova estratégia de defesa que é confessar os crimes por ele cometidos, na tentativa de livrar-se da cadeia, onde está desde 17 de setembro de 2015, quando foi deflagrada a primeira fase da operação Sodoma.

Délio Lins e Silva é um jurista renomado em Brasília por ter atuado em casos de grande repercussão, como o Mensalão e operação Lava Jato. Ele assume a defesa do ex-governador no lugar dos advogados Valber Melo, Ulisses Rabaneda, Francisco Faiad, Artur Osti e Renan Serra, que renunciaram à defesa de Silval diante da mudança de estratégia.

Os demais réus na ação, estão com suas oitivas programadas para audiências agendadas para as próximas terça, quarta e sexta-feira (23,24 e 26). São eles: o ex-chefe de gabinete Sílvio César Corrêa Araújo, o ex-secretário de Planjamento Arnaldo Alves de Souza Neto, o advogado Levi Machado de Oliveira, o ex-procurador geral do Estado Francisco Gomes de Andrade Lima Filho, o ex-secretário de Fazenda Marcel Souza de Cursi e os empresários Alan Ayoub Malouf e Valdir Agostinho Piran.

Confira as datas das oitivas

Dia 16 de maio, às 13h30 horas

1 – Afonso Dalberto

2 – Antônio Rodrigues Carvalho


Dia 17 de maio, às 13h30 horas

1 – João Justino Paes de Barros

02 – Pedro Jamil Nadaf


Dia 18 de maio, às 13h30

1 – Silval da Cunha Barbosa

02 – Sílvio Cézar Corrêa Araújo


Dia 23 de maio, às 13h30

1 – Arnaldo Alves de Souza Neto

2 – Levi Machado de Oliveira

 

Dia 24 de maio, às 13h30

1 – Francisco Gomes de Andrade Lima Filho

2 – Alan Ayoub Malouf


Dia 26 de maio, às 13h30

1 – Valdir Agostinho Piran

2- Marcel Souza de Cursi
 

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quarta, 10 de janeiro de 2018

17:33 - Governo concede 90 dias de licença-prêmio a ex-secretário condenado

Segunda, 03 de julho de 2017

18:42 - Pedro Nadaf não é o Joesley Bastista de MT, defende advogado

Quinta, 22 de junho de 2017

17:08 - STJ permite que Selma Arruda julgue processos contra Cursi

Terça, 16 de maio de 2017

09:56 - Juiz se declara impedido e condução da Sodoma ainda é mistério

Terça, 02 de maio de 2017

09:45 - Silval Barbosa vai contar tudo mas em Brasília

Sábado, 29 de abril de 2017

10:44 - PGR assina delações de Riva e Silval na próxima semana

Quinta, 16 de fevereiro de 2017

14:49 - Delação revela propina de R$ 5 milhões

Quinta, 17 de novembro de 2016

11:40 - Globo cita delação de Silval; defesa nega

Quinta, 10 de novembro de 2016

11:18 - Ex da Metamat comprava ouro da propina - Veja depoimento

Terça, 25 de outubro de 2016

20:10 - Cursi devolve a Nadaf acusação de propina


// leia também

Sexta, 25 de maio de 2018

18:12 - Desembargador nega liberdade a Paulo Taques e irmão presos por corrupção

11:12 - Juiz suspende por 90 dias 'expulsão' de sindicato instalado em terreno público

10:45 - Escola de Samba Mangueira e produtora terão que devolver R$ 509 mil para Cuiabá

09:54 - MPE obtém liminar que proíbe o bloqueio de estradas em Diamantino

07:57 - Weber dá 10 dias para PGR rever situação de Fagundes como réu por corrupção e lavagem

Quinta, 24 de maio de 2018

20:11 - Ministra nega HC a Mauro Savi e mantém inquérito sobre propina no Detran

17:49 - Pedido de vista adia julgamento que tenta reverter cassação de Lucimar Campos

16:12 - 'Rei do Algodão' consegue suspender leilão de fazenda de R$ 349 milhões

15:58 - Maioria vota por manter prisão de Savi, mas julgamento é adiado

15:40 - Começam as audiências em ação contra 13 réus por rombo R$ 7 milhões


 veja mais
Cuiabá, Domingo, 27/05/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Domingo, 27/05/2018
77af5254f83f80e9a0fe74ca5ef504e2 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Projeto de Lei reconhece o funk como manifestação cultural popular




Logo_classifacil









Loja Virtual