Vice-governador escapa de representação criminal | Gazeta Digital

Terça, 06 de fevereiro de 2018, 10h21

confusão na Sema

Vice-governador escapa de representação criminal


Otmar de Oliveira

Vice-governador Carlos Fávaro (PSD) está livre de uma representação criminal feita por um ex-funcionário comissionado da Sema, Pasta que Fávaro chefiou por 1 ano e 9 meses, entre março de 2016 e dezembro de 2017.

Na representação, agora arquivada por unanimidade pelo Pleno do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, o então servidor Luiz Carlos Rodrigues de Campos disse que foi proibido de entrar nas repartições da Sema por ordem de Fávaro, uma proibição que segundo o autor da denúncia, era de ordem pessoal do então secretário.

O episódio que resultou na denúncia ocorreu em maio de 2017 e até a Polícia Militar foi acionada. Porém, no TJ, a relatora do caso, desembargadora Nilza Maria Pôssas de Carvalho, entendeu não haver comprovação de que o ex-servidor tenha sido impedido de entrar na Sema por ordem de Fávaro. O Ministério Público também opinou pelo arquivamento da representação.

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// leia também

Terça, 20 de fevereiro de 2018

19:00 - CPI do Paletó interroga ex-secretário que gravou delator

16:30 - Eder Moraes vai processar promotores do Gaeco

16:09 - Operação do Gaeco atinge Eder Moraes 'por tabela'

13:17 - Placa de igreja faz sucesso ao mencionar 'crush'

Segunda, 19 de fevereiro de 2018

19:33 - Esquema no Detran envolve servidores da Assembleia

18:41 - Elias Santos recebeu 14 cheques de Botelho

07:30 - Deputado Allan promete acionar MP se for patrolado

07:00 - Bancada de Mato Grosso escolhe líder nesta terça

Sexta, 16 de fevereiro de 2018

20:06 - Delator confirma propina no paletó e prefeito some

19:20 - Ministro quer compartilhar provas contra conselheiros


 ver todas as notícias
Cuiabá, Terça, 20/02/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Terça, 20/02/2018
768bdb65035787436f1bc4ad07df1cf3 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

Após 15 anos, Arcanjo deixa a prisão e vai cumprir regime semiaberto




Logo_classifacil









Loja Virtual