Prefeito e vice são cassados por exames grátis | Gazeta Digital

Segunda, 08 de janeiro de 2018, 12h26

Ribeirão Cascalheira

Prefeito e vice são cassados por exames grátis


Divulgação

Reynaldo Fonseca Diniz

Por unanimidade, o pleno do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT), cassou o mandato do prefeito Reynaldo Diniz (PR), de Ribeirão Cascalheira (894 km de Cuiabá) e do vice-prefeito Gleison Oliveira (PR).

O gestor é acusado de abuso de poder político e econômico nas eleições de 2016, ao realizar 460 exames oftalmológicos gratuitos na população, durante o pleito eleitoral. Os serviços foram prestados pelo secretário Municipal de Saúde, Jair Barros.

Reynaldo,  Gleison e Jair foram multados em R$ 10 mil e declarados inelegíveis por 8 anos. A decisão foi proferida no dia 19 de dezembro de 2017.

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// leia também

Terça, 17 de julho de 2018

20:02 - Éder Moraes e casal Lesco são vistos em velório

Segunda, 16 de julho de 2018

19:52 - Lei proíbe narguilé em locais públicos de Cuiabá

12:03 - Vereadores entram de recesso para repor energias

11:49 - Câmara suspende reunião da CPI da Saúde

10:32 - Silval escolhe Pedro Taques como alvo principal

Sexta, 13 de julho de 2018

20:04 - Motorista xinga empresa de pedágio de deputado

18:40 - Procuradora reafirma cassação de vereadores

14:05 - MP orienta veículos sobre proibições eleitorais

Quinta, 12 de julho de 2018

19:13 - 'Tem gente que faz o diabo para vencer, diz Taques

17:59 - Pedro Taques é chamado de mentiroso em vídeo


 ver todas as notícias
Cuiabá, Quarta, 18/07/2018
 

Facebook Instagram

Fogo Cruzado
titulo_jornal Quarta, 18/07/2018
93ae6ae9690a2b7358a5399642de1263 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

A apreensão de material do jogo do bicho e a liberdade de Arcanjo têm alguma ligação?




Logo_classifacil









Loja Virtual