Meirelles confirma que governo adiará discussão sobre mudanças na regra de ouro | Gazeta Digital

Segunda, 08 de janeiro de 2018, 15h39

Meirelles confirma que governo adiará discussão sobre mudanças na regra de ouro


Estadao

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, confirmou nesta segunda-feira, 8, que o governo adiará a discussão sobre alterações na regra de ouro para depois da votação da reforma da Previdência. Segundo ele, a ideia não é suspender a regra constitucional, mas criar mecanismos de ajustamento em caso de descumprimento da norma.

‘Achamos que essa não é uma discussão adequada neste momento. Surgiu uma proposta parlamentar, mas a prioridade é resolver a questão fiscal do País. Temos uma votação mais importante, que é a reforma da Previdência. Essa é a nossa prioridade: discutir e se possível votar a reforma da Previdência‘, afirmou.

De acordo com o ministro, não entrará em discussão a suspensão da regra, mas ajustes em caso de descumprimento que, pela legislação atual, acarreta crime de responsabilidade. ‘Tivemos reunião hoje (segunda-feira) com o presidente Michel Temer sobre a regra de ouro e a orientação dele confirma a nossa opinião de que não deve haver uma flexibilização ou uma suspensão pura e simples da norma‘, afirmou. ‘Não estamos contemplando o levantamento da regra puro e simples, mesmo que temporário‘, completou.

Segundo Meirelles, a proposta é criar o acionamento automático de certos mecanismos, como ocorre com o teto de gastos, que, se descumprido, obriga a cortes imediatos de gastos, como suspensão de reajustes do funcionalismo.

‘O que iremos estudar no momento adequado serão regras de ajustamento. Estamos todos caminhando na mesma linha, não há dúvida que é orientação correta e adequada‘, avaliou.

O ministro garantiu que o governo continua comprometido com o ajuste fiscal e enfatizou que irá cumprir a regra de ouro e o teto de gastos este ano. ‘A devolução de recursos do BNDES será concluída positivamente e é importante para cumprir a regra de ouro. Para 2018, a situação está equacionada. O governo vai cumprir a regra de ouro este ano. Ponto. A preocupação é com os anos futuros‘, concluiu.

Gazeta Digital também está no Facebook, YouTube e Instagram   



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Quinta, 18 de janeiro de 2018

11:29 - Aliança não é eterna, diz Fábio Garcia sobre apoio a Taques

Quarta, 17 de janeiro de 2018

16:05 - França será candidato em SP com ou sem apoio do PSDB, diz presidente do PSB

14:04 - Mendonça Filho reafirma que será candidato, mas retardará saída do MEC

Terça, 16 de janeiro de 2018

10:15 - Com muitas filas, prazo para biometria vai ampliar

Segunda, 15 de janeiro de 2018

08:15 - PP ainda tem planos para Blairo Maggi como candidato a vice-presidente

Sábado, 13 de janeiro de 2018

09:53 - Apoio à majoritária é desafio para nanicos em busca de uma vaga na ALMT

Sexta, 12 de janeiro de 2018

18:49 - Dorner se diz 'sangue novo' e quer uma vaga na Câmara

15:08 - Lula, Temer e Bolsonaro são os políticos mais buscados no Google

11:15 - PMDB projeta crescimento em Mato Grosso neste ano eleitoral

08:15 - MPF e MPE criam força-tarefa para zerar processos pendentes


// leia também

Quinta, 18 de janeiro de 2018

17:30 - Temer nega ter pedido a Loures que recebesse 'recurso de campanha'

16:00 - Procurador diz não ver razões para pedir prisão de Lula

15:15 - Julgamento de Lula será transmitido pelo Youtube

15:07 - Defesa de Temer entrega respostas a perguntas da PF sobre Decreto dos Portos

13:40 - Moro ordena transferência de Sérgio Cabral do Rio para o Paraná

11:25 - Capez deve trocar PSDB pelo PSB

11:24 - Presença oficial de Bosonaro em comissões caiu de 141 para 34 reuniões

11:21 - No recesso, auxiliares de Bolsonaro mantêm ativo marketing digital

11:21 - Legítimo se preocupar com potenciais adversários, diz Meirelles sobre Maia

11:15 - Após ser hostilizado por brasileiras, Gilmar Mendes recebe elogios em Lisboa


 veja mais
Cuiabá, Sexta, 19/01/2018
 

Facebook Instagram


Fogo Cruzado
titulo_jornal Sexta, 19/01/2018
B4342464d885d68375f74fddbcec4a71 anteriores



Indicadores Econômicos

Mais Lidas Enquete

O governador Pedro Taques não vai liberar dinheiro para o Carnaval nos municípios. O que você acha disso?




Logo_classifacil









Loja Virtual