Renato Duque consegue habeas corpus no STF, mas continuará preso pela Lava Jato | Gazeta Digital

Quinta, 20 de abril de 2017, 14h19

Renato Duque consegue habeas corpus no STF, mas continuará preso pela Lava Jato


Agência Brasil

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio revogou hoje (20) um dos mandados que sustentam a prisão do ex-diretor da Área Internacional da Petrobras Renato Duque. Apesar da decisão favorável, Duque continuará preso porque existem outros mandados que foram expedidos pelo juiz federal Sérgio Moro na Operação Lava Jato.

Na decisão, o ministro revogou a prisão que foi decretada contra Renato Duque na Operação Sangue Negro, da Polícia Federal. A operação investiga propina paga pela empresa holandesa SBM Offshore para ex-funcionários e diretores da Petrobras, em troca de negócios com a estatal, entre 1997 e 2012. De acordo com o ministro, o ex-diretor está preso há mais de um ano sem que tenha sido julgado pela Justiça do Rio de Janeiro.

Na Lava Jato, Duque foi preso no dia 16 de março de 2015 por determinação de Moro. Ele está preso no Complexo Médico-Penal, em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. Segundo o juiz, mesmo após a deflagração da operação, em março de 2014, Duque continuou cometendo crime de lavagem de dinheiro, ocultando os valores oriundos de propinas em contas secretas no exterior, por meio de empresas offshore.

A defesa de Duque alega que a prisão é ilegal e que o ex-diretor não cobrou propina de empreiteiras durante o período em que esteve no cargo. 



Aguarde! Carregando comentários ...


// matérias relacionadas

Terça, 27 de junho de 2017

18:35 - Janot defende denúncia e diz que ninguém está acima da lei

17:46 - Temer classifica denúncia de 'ficção', critica Janot e cobra provas concretas

15:51 - 'Denúncia é grave, mas não é condenação', ameniza Alckmin

14:50 - Eunício diz que denúncia contra Temer cabe ao STF e à Câmara

13:20 - Reunidas as assinaturas para recurso contra arquivamento

12:49 - No dia seguinte da denúncia, Temer passa a manhã no Jaburu

08:24 - Janot denuncia Michel Temer e Rodrigo Loures por corrupção passiva

Segunda, 26 de junho de 2017

16:31 - Cinco senadores prometem assinar recurso contra arquivamento de cassação de Aécio

14:18 - Moro impõe um ano e meio de regime fechado a Mônica Moura e João Santana

11:36 - Perdão a Joesley tem alta rejeição, revela pesquisa


// leia também

Terça, 27 de junho de 2017

18:06 - Nicolao Dino é o mais votado por procuradores para suceder Janot na PGR

12:41 - Lula pede renúncia de Temer e antecipação de eleições presidenciais

12:39 - João Doria quer Aécio fora do comando tucano

11:20 - Pacote de R$ 55 bi influi apoio de prefeito e Alckmin a Temer

10:29 - CCJ no Senado realiza audiências públicas sobre a reforma trabalhista

10:00 - 'Corrupção é violação de direitos humanos', diz secretária de Temer

08:30 - Base aliada pressiona por escolha de relator alinhado com o Planalto

Segunda, 26 de junho de 2017

15:01 - Temer defende reformas e diz que 'não há plano B'

14:51 - PSDB deveria sair do governo e debater antecipação de eleições, diz Ferraço

11:39 - Barroso rebate Gilmar e defende investigações que atingem Temer


 veja mais
Cuiabá, Quarta, 28/06/2017
 

GD Empregos

WhatsApp Twuitter
WhatsApp

Fogo Cruzado
titulo_jornal Quarta, 28/06/2017
709682c66590260fb3edf747d9f8deb8 anteriores




Indicadores Econômicos

Indicadores Agropecuário

Mais Lidas Enquete

Profissionais de saúde devem ser obrigados a registrarem nos prontuários de atendimento médico os indícios de violência contra a mulher?




waze

Logo_classifacil









Loja Virtual